Angélica recebeu convite inesperado para voltar à Globo, mas não como apresentadora


Angélica está sem contrato com a Globo. (Foto: reprodução/internet)
Angélica (Foto: reprodução/internet)

Angélica pode surpreender ao retornar à Globo como atriz

Nos últimos anos, Angélica, que já foi uma das principais apresentadoras da televisão brasileira, perdeu espaço na Globo após comandar o programa Estrela, que não teve boa audiência e repercussão.

Desde 2021, ela está sem contrato com a emissora carioca, ao contrário de seu marido, Luciano Huck, que foi promovido ao posto de principal apresentador do canal, assumindo o Domingão no lugar de Faustão. Angélica foi avisada de que não há espaço para ela como apresentadora, pelo menos por enquanto, e vem fazendo trabalhos pontuais em outros canais e serviços de streaming.

Mas de acordo com o site Notícias da TV, Angélica recebeu uma proposta tentadora da Globo para voltar à telinha como atriz em algumas novelas. Embora seja mais conhecida do grande público pelo seu trabalho como apresentadora, Angélica já teve alguns trabalhos como atriz no início de sua carreira, incluindo produções na própria Globo.

Em 1982, ela estreou como atriz na TV, interpretando a personagem Ana Maria na minissérie Avenida Paulista. Ela também protagonizou a minissérie O Guarani em 1991, na extinta TV Manchete.

Angélica na novela Caça Talentos. (Foto: reprodução/Globo)
Angélica na novela Caça Talentos. (Foto: reprodução/Globo)

Trabalhos da apresentadora na TV

Em 1993, ela recebeu uma proposta para retornar à Globo como apresentadora e atriz, mas recusou o convite, optando por assinar contrato com o SBT, onde também foi cogitada para atuar em novelas.

Em 1996, Angélica finalmente voltou para a emissora carioca e atuou na novela infantojuvenil Caça Talentos. Ela ainda esteve em Flora Encantada (1999) e Bambuluá (2000), mas depois disso passou a se dedicar principalmente à carreira de apresentadora, fazendo apenas algumas participações especiais em novelas. O convite para retornar à Globo como atriz teria surgido após a emissora ter visto o trabalho da apresentadora na série Tarã, da Disney+.