Final: após prisão de Gilda, Anselmo se desespera para queimar provas que podem destruí-lo


Anselmo em Amor Perfeito. (Foto: reprodução)
Anselmo em Amor Perfeito. (Foto: reprodução)

Anselmo se desespera após prisão de Gilda em Amor Perfeito

O grande desfecho de Amor Perfeito é uma conclusão tão aguardada quanto gratificante para os espectadores que estiveram ansiosos por justiça na tumultuada cidade de Águas de São Jacinto. Gilda, interpretada por Mariana Ximenes, passou muito tempo desfrutando de vitórias e impunidade, mas finalmente começa a pagar o alto preço pelos seus inúmeros crimes na semana de encerramento da trama.

A virada acontece quando Gilda é presa, um momento marcado por um depoimento emocionante de Leonel, vivido por Paulo Gorgulho. Com isso, inicia-se uma sequência de eventos que abala a cidade. Gilda, em um último ato desesperado, promove uma queima de arquivos de proporções significativas, começando por Anselmo, interpretado por Paulo Betti, que se esforça para se desvincular das conexões com sua antiga aliada.

A situação na cidade se torna tão desesperadora que alguns dos corruptos locais decidem fugir antes que seja tarde demais. É o caso de Gaspar, interpretado por Thiago Lacerda, que arruma suas malas e deixa Águas de São Jacinto em busca de refúgio.

Gilda em Amor Perfeito. (Foto: reprodução)
Gilda em Amor Perfeito. (Foto: reprodução)

Justiça na cidade

Por outro lado, seu pai ainda acredita que pode manter o poder, especialmente com a presidência do Grande Hotel, mas Cândida, vivida por Zezé Polessa, desafia o canalha ao questionar a sociedade com Gilda e lutar incansavelmente para descobrir a verdade.

O desfecho de “Amor Perfeito” promete ser emocionante e cheio de reviravoltas. Ainda se espera que Gilda, mesmo atrás das grades, tente prejudicar Marê, interpretada por Camila Queiroz, e Orlando, vivido por Diogo Almeida, assim como qualquer outra pessoa que cruzar seu caminho. No entanto, sua principal dificuldade é que ela não possui mais aliados para apoiar suas maquinações.

Até mesmo Sílvio, interpretado por Bukassa Kabengele, se vê encurralado após ser expulso de casa por Wanda, vivida por Juliana Alves, e se ver sem saída diante das crescentes suspeitas sobre os cúmplices de Gilda.