Apresentadora do SBT foi chutada pela emissora enquanto lutava contra o câncer: “Não tinha plano de saúde”


Elenco do jogo dos pontinhos do SBT (Foto: Reprodução, SBT)
Elenco do jogo dos pontinhos do SBT (Foto: Reprodução, SBT)

No meio da luta contra o câncer, apresentadora ficou sem chão ao ser demitida pelo SBT e ficar sem plano de saúde para continuar tratamento

Uma apresentadora e comediante de longa data, abriu o jogo sobre a sua passagem pelo SBT, depois que trocou a TV Gazeta pela emissora de Silvio Santos em 2016.

Em entrevista à Quem, a apresentadora, famosa por suas ‘fofoquinhas’ relatou que passou por inúmeras dificuldades após ser demitida do canal do baú em 2019, durante o seu tratamento de câncer no esôfago.

“Ficar afastada da TV nesses dois anos foi um pouco chato, pois não estava no ar mesmo recebendo do SBT. Quando a demissão aconteceu, eu fiquei sem salário e também não tinha plano de saúde. Eu me preocupei demais, pois tratar da saúde sem plano era terrível. Com todos os percalços, eu nunca me deprimi”, desabafou Mamma Bruschetta.

Mamma Bruschetta no programa do SBT Fofocalizando (Foto: Reprodução, SBT)
Mamma Bruschetta no programa do SBT Fofocalizando (Foto: Reprodução, SBT)

Trajetória com sua amiga

A comediante também celebrou a sua parceria de longa data com Cátia Fonseca, que a convidou para ser colaboradora do Melhor da Tarde, na Band. “Felizmente ela foi um anjo na minha vida e me convidou para colaborar no programa, me dando a oportunidade de voltar a ter um plano de saúde que me permite continuar meu tratamento. Agora eu estou feliz com minha volta à televisão e trabalhando com profissionais incríveis”, destacou.

Cátia Fonseca e Mamma Bruschetta (Foto: Reprodução, Instagram)
Cátia Fonseca e Mamma Bruschetta (Foto: Reprodução, Instagram)

Por fim, Mamma Bruschetta revelou que passou a adotar a sua personagem também em sua vida real, agora assumindo a sua identidade como uma mulher trans também fora das telinhas.

“A personagem foi aceita com muito carinho pela mídia e população. Passei a viver a personagem que havia virado personalidade. Eu fiquei trabalhando 24 horas nessa personalidade, resolvi assumi-la completamente e mudei meus documentos de identidade oficialmente. Quando mudei meu RG me declarei trans. Não quero fazer resignação cirúrgica. Fiz a mudança de nome para ser oficialmente Mamma Bruschetta Piccirillo Henrique”, afirmou a atriz por fim.