Astro das novelas da Globo teve morte trágica pouco depois de participar de trama marcante da emissora


Ator da Globo faleceu após acidente (Foto: Reprodução/ Globo)
Ator da Globo faleceu após acidente (Foto: Reprodução/ Globo)

Infelizmente o ator da Globo era hemofílico (distúrbio genético e hereditário que afeta a coagulação do sangue) e não resistiu aos ferimentos

O ator que fez sucesso nos folhetins da Globo, Amilton Fernandes, nasceu em Pelotas, no Rio Grande do Sul, em 27 de abril de 1919.

Ele foi o primeiro ator brasileiro a ser uma unanimidade junto aos fãs das telenovelas com o sucesso alcançado primeiro como o capitão Fernando de “Alma Cigana” e depois o Albertinho Limonta de “O Direito de Nascer”.

Ademais, no início da sua carreira, participando de teleteatros na TV Tupi, ele já despontava como um galã que conquistava o público.

Ele começou na TV Tupi em 1958, e em 1963 ganhou seu primeiro papel principal em “Moulin Rouge – A Vida de Toulouse-Lautrec”.

Dessa forma, na década de 1960, atuou tanto na TV como no Cinema, onde participou de seis filmes de 1962 a 1968: “O Vendedor de Linguiças”; “Quatro Brasileiros em Paris”; “As Cariocas”; “Adorável Trapalhão”; “Edu, Coração de Ouro” e “Juventude e Ternura”.

Contudo, vindo dos palcos, Amilton Fernandes logo se adaptou à televisão. Rosto perfeito de galã e sempre muito educado com todos que trabalhavam ao seu redor.

Chegou ao sucesso em todo o Brasil ao viver Albertinho Limonta na novela “O Direito de Nascer”, em 1964, na TV Tupi, onde fez par romântico com a atriz Guy Loup, que era Isabel Cristina e chegou a mudar seu nome artístico, devido ao grande sucesso que o par romântico fez.

Amilton Fernandes em cena da novela Sangue e Areia. (Foto: reprodução/Globo)
Amilton Fernandes em cena da novela Sangue e Areia. (Foto: reprodução/Globo)

O artista era hemofílico

Assim, o sucesso do casal foi tanto, que o encerramento da novela teve que acontecer em áreas abertas.

Então, em São Paulo foi no Anhembi, e no Rio de Janeiro foi no Maracanã, inteiramente lotado, para que o povo pudesse aclamar seus ídolos.

Depois do grande sucesso nessa novela ainda fez “O Preço de uma Vida” na TV Tupi, e em 1966 foi para a TV Globo e para o Rio de Janeiro.

Onde atuou nas novelas “O Sheik de Agadir”; “A Rainha Louca” e “Sangue e Areia”. Nesta última novela, deixou de lado os papéis de galã para viver o grande vilão da história.

Contudo, após sua morte a novela teve que ser reescrita, e seu personagem desapareceu da trama. Amilton Fernandes veio a falecer em 8 de abril de 1968, aos 48 anos de idade, na cidade do Rio de Janeiro.

Depois, de ficar internado mais de dois meses em razão de um acidente automobilístico no bairro do Maracanã. O ator da Globo era hemofílico, o que agravou seu estado de saúde após várias cirurgias.

Ator Amilton Fernandes (Foto: Reprodução)
Ator Amilton Fernandes (Foto: Reprodução/ Globo)
Bruna Alves

Autor(a):

Bruna Alves

Eu sou Bruna Alves, redatora de notícias da televisão e celebridades desde 2016, com passagens em alguns sites da área ao logo desse tempo. No FATOS DA TV, trago notícias com credibilidade e responsabilidade aos leitores, relembrando acontecimentos passados da TV e dos famosos, mas também deixando os leitores atualizados com assuntos da atualidade.