Prestes a partir, ator da Globo fez último pedido a esposa e gerou grande comoção


Artista estrelou diversas produções na Globo. (Foto: reprodução)
Artista estrelou diversas produções na Globo. (Foto: reprodução/ Montagem/ Fatos da TV)

Paulo Goulart fez último pedido a esposa, Nicette Bruno, antes de partir

A união entre Nicette Bruno e Paulo Goulart foi uma das mais marcantes e duradouras da televisão brasileira e da Globo, tendo se estendido por mais de seis décadas. Infelizmente, apenas a morte foi capaz de separá-los.

Pai de Paulo Goulart Filho, Beth Goulart e Bárbara Bruno, Paulo Goulart perdeu a batalha contra o câncer aos 81 anos, em 13 de março de 2014. Ele havia sido diagnosticado com a doença renal em 2008 e lutou bravamente contra ela, mas acabou sucumbindo às complicações.

Com uma carreira longa e bem-sucedida, Paulo Goulart era um dos atores mais experientes da televisão brasileira, além de ter trabalhado em diversos espetáculos teatrais. Seu primeiro papel na TV foi ainda nos anos 1950, na extinta TV Paulista. Na Globo, ele participou de várias novelas e minisséries consagradas, incluindo Roda de Fogo (1986), Fera Radical (1988), O Dono do Mundo (1991), Mulheres de Areia (1993), Esperança (2002), América (2005), Pé na Jaca (2006), Ti Ti Ti (2010), Morde & Assopra (2011) e O Tempo e o Vento (2014), que acabou sendo seu último trabalho na TV.

Nicette Bruno e Paulo Goulart foram casados por mais de 60 anos. (Foto: reprodução)
Nicette Bruno e Paulo Goulart foram casados por mais de 60 anos. (Foto: reprodução)

Pedido comovente do ator

Após a morte de Paulo Goulart, uma homenagem foi feita pelo Jornal Nacional, que contou com uma entrevista emocionante de Nicette Bruno, na qual ela falou sobre a sua relação de décadas com o marido. Uma das coisas que chamou a atenção foi o último pedido do ator: “Viva muito, trabalhe como você gosta e não perca sua alegria”.

Nicette Bruno afirmou que, mesmo após a morte de Paulo, eles continuavam juntos em espírito: “Com todos os filhos ao nosso redor, nossos netos e eu de mãos dadas com ele, porque o nosso amor é eterno. Nós estaremos juntos sempre”. Infelizmente, Nicette também faleceu seis anos depois, em 20 de dezembro de 2020, em decorrência da Covid-19.