Ator de Amor Perfeito já revelou envolvimento com o tráfico: “Único negócio em que ganhei dinheiro”


Tonico Pereira (à dir.) em cena de Amor Perfeito. (Foto: reprodução/Globo)
Tonico Pereira (à dir.) em cena de Amor Perfeito. (Foto: reprodução/Globo)

No ar em Amor Perfeito, Tonico Pereira já teve negócios paralelos

Tonico Pereira é um dos atores mais experientes em atividade na Globo, estando atualmente no ar em Amor Perfeito. A novela das 18h da Globo marca o retorno do veterano aos folhetins da emissora após dois anos, depois que integrou o elenco de Um Lugar ao Sol (2021).

Na trama escrita por Duca Rachid e Júlio Fischer, Tonico dá vida ao Frei Leão, um dos responsáveis por acolher o pequeno Marcelino (Levi Asaf) no monastério após ele se perder da mãe, Marê (Camila Queiroz), ainda bebê. A protagonista hoje luta para encontrar o filho perdido.

O que pouca gente sabe é que, apesar da vasta experiência na TV, recebendo muitos elogios e interpretando papéis marcantes, Tonico Pereira não encarava a profissão de ator como prioridade. O famoso sempre teve negócios paralelos e planejava que o meio artístico fosse apenas um complemento da sua renda, mas com o fracasso dos empreendimentos, acabou se tornando sua principal área de atuação.

Ator Tonico Pereira. (Foto: reprodução/Globo)
Ator Tonico Pereira. (Foto: reprodução/Globo)

Ator já teve envolvimento com o tráfico

Em uma entrevista à colunista Patrícia Kogut, o ator de Amor Perfeito, que não costuma ter papas na língua, acabou confessando que na adolescência já teve envolvimento com o tráfico e chegou a trabalhar como “aviãozinho”, termo utilizado para denominar quem leva a droga para o cliente e volta com o dinheiro para entregar aos traficantes.

“Sempre tive negócios. É uma coisa que vem comigo desde cedo. A atuação era para ser só um complemento. Acontece que nunca consegui ganhar dinheiro com nenhum deles. Pelo contrário, fali ou fui roubado em todos. Acabei arcando com os prejuízos com o salário de ator. O único negócio na minha vida em que ganhei dinheiro foi quando trabalhei como aviãozinho para o contrabando, na adolescência”, revelou Tonico.

Atualmente, aos 74 anos, o ator é um dos poucos que ainda possui um contrato fixo e de exclusividade com a Globo, mas confessou que teme ser dispensado pela emissora. “Vejo [movimentações do mercado] apavorado porque é a única coisa que sei fazer. Está difícil para todo mundo. Vejo a situação muito insegura no mundo, para a classe artística também”, admitiu.