Ator de “Entre Tapas & Beijos”, foi atacado por causa de “beijo gay” e rebateu: “Sou a favor do amor”


Ator de "Entre Tapas & Beijos" foi duramente atacado por conta de beijo gay (Foto Reprodução/GShow)
Ator de "Entre Tapas & Beijos" foi duramente atacado por conta de beijo gay (Foto Reprodução/GShow)

“Entre Tapas & Beijos” impactou o público com cena e repercutiu de maneira negativa

O seriado “Tapas & Beijos” foi um dos seriados de maior sucesso da Rede Globo e trouxe muita alegria para os telespectadores brasileiros. Mas apesar desse sucesso todo e de ter um elenco de ponta, a produção sofreu uma espécie de boicote por causa de uma cena de “beijo gay” entre os personagens de Fábio Assunção e Vladimir Brichta.

Fernanda Torres, Fábio Assunção e Andréa Beltrão em "Entre Tapas & Beijos" (Foto Reprodução/F5)
Fernanda Torres, Fábio Assunção e Andréa Beltrão em “Entre Tapas & Beijos” (Foto Reprodução/F5)

A tal cena aconteceu na terceira temporada, em 2013, dentro do restaurante de “Seu Chalita”, que era interpretado pelo saudoso Flávio Migliaccio. Na cena, enquanto estavam sentados no “Rei do Beirute”, “Jorge” (Fábio Assunção) e “Armane” (Vladimir Brichta), ignoraram Fátima (Fernanda Torres) e Sueli (Andréa Beltrão) e começam a tomar uma cerveja. Jurandir (Érico Brás) começou a contar uma fofoca para “Chalita’ sobre duas “bibas” que começaram a se pegar em um hotel.

Fábio Assunção e Vladimir Brichta em "Entre Tapas & Beijos" (Foto Reprodução/GShow)
Fábio Assunção e Vladimir Brichta em “Entre Tapas & Beijos” (Foto Reprodução/GShow)

“Jurandir” contou que todo mundo já estava sabendo  do relacionamento amoroso e diz que os pombinhos seriam Jorge e Armane. O personagem de Vladimir Brichta afirmou que era homem e Jorge resolveu dizer que ninguém tem nada a ver com o que eles têm. Contrariado, Armani ficou um tanto confuso, desmentiu a história mas levou um beijaço do personagem de Fábio Assunção

Beijo de Jorge e Armani  em "Tapas e Beijos" (Foto: Reprodução/TV Globo)
Beijo de Jorge e Armane  em “Tapas e Beijos”, apesar de não mostrar o ato em si, causou alvoroço entre o público (Foto: Reprodução/TV Globo)

Apesar da cena sequer mostrar a boca dos atores se tocando, muitas pessoas não gostaram da cena, já que na época as demonstrações homoafetivas ainda eram um tabu . Fábio Assunção chegou a se pronunciar na época sobre o que achava dessa reação preconceituosa e conservadora do público.

Em entrevista à colunista de Patrícia Kogut, do jornal “O Globo”, Fábio Assunção declarou:

“Sou a favor da liberdade e do amor, portanto independentemente de como isso é processado por outros pensamentos, fiquei feliz em fazer meu trabalho e estar afinado nas coisas que valorizo” – Declarou Fábio Assunção

 

Lennita Lee

Autor(a):

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ....