Ator da novela O Clone foi esfaqueado de forma cruel durante gravações da novela


Estrela de O Clone foi esfaqueada durante gravação da novela (Foto: Reprodução, Globo)
Estrela de O Clone foi esfaqueada durante gravação da novela (Foto: Reprodução, Globo)

Uma das tramas mais inesquecíveis e que mais reprisa, O Clone teve os bastidores bastante tumultuados

A trajetória da produção da novela O Clone não foi apenas de glória. Ocorreram transtornos e a autora e o diretor Jayme Monjardim tiveram que encontrar soluções para seguir com as gravações.

Inicialmente, O Clone teria a direção de Denise Saraceni, mas ela não gostou do tema central do folhetim, que era sobre a cultura muçulmana. Na época, surgiram informações que a diretora também tinha atritos com Glória Perez, que demonstrava discordâncias sobre os caminhos da produção.

Novela O Clone (Foto: Reprodução)
Novela O Clone (Foto: Reprodução)

Por conta disso, Denise optou por se retirar do projeto e seguir em outros trabalhos. Glória então apresentou o projeto para Luiz Fernando Carvalho. Ele leu a sinopse, mas não conseguiu se encaixar com o texto dinâmico da autora e resolveu não prosseguir na novela.

A facada

O ator Haylton Farias interpretava o psicanalista de Lobato (Osmar Prado) em O Clone, mas precisou sair do folhetim depois de uma briga que ocorreu em 5 de maio de 2002, em Botafogo, no Rio de Janeiro. Ele acabou sendo esfaqueado e precisou ficar um período internado.

Tudo isso aconteceu por causa do ataque de um vizinho. Ele estava muito irritado com a movimentação no apartamento do ator. O acusado era psicólogo e trabalhava no imóvel ao lado do artista. Com o clima tenso, eles se encontraram na portaria do prédio e a confusão ficou descontrolada.

Ator Haylton Farias (Foto: Reprodução)
Ator Haylton Farias (Foto: Reprodução)

A briga foi parar na calçada e o vizinho de Haylton deu um golpe com um canivete nele. O ator precisou ser levado para o hospital e ficou em estado grave, tendo que passar por uma cirurgia. Por conta disso, precisou ser retirado de O Clone para poder se recuperar.

No ano seguinte, esteve novamente no ar, mas agora em Malhação. Recuperado, trabalhou em Alma Gêmea (2005-2006), O Profeta (2006-2007), Páginas da Vida (2006-2007), Pé na Jaca (2006-2007) e Paraíso Tropical (2007). Nos anos seguintes, esteve em projetos teatrais.