Depois de largar novela da Globo, ator sofreu ao protagonizar cenas quentes com a própria namorada em Portugal


Ator deixou novela da Globo antes do fim. (Foto: reprodução/Montagem/Fatos da TV)
Ator deixou novela da Globo antes do fim. (Foto: reprodução/Montagem/Fatos da TV)

Exibida entre janeiro de 2020 e julho de 2021, Salve-se Quem Puder acabou se tornando uma das novelas mais afetadas pela pandemia causada pela Covid-19, e foi obrigada a interromper as suas gravações por um bom tempo na Globo.

Isso fez com que a emissora carioca tivesse prejuízo e enfrentasse problemas em relação aos contratos com atores, como ocorreu com José Condessa. O ator é português havia sido contratado para fazer sua estreia em novelas brasileiras, depois do sucesso que alcançou em seu país natal. Na trama escrita por Daniel Ortiz, ele deu vida à Juan, personagem que se envolvia com Luna, uma das protagonistas, interpretada por Juliana Paiva.

Porém, para a surpresa de muita gente, quando a novela finalmente retomou as suas gravações, logo surgiram as informações de que Condessa não havia retornado para os trabalhos e acabou deixando seu trabalho incompleto na trama.

Acontece que o ator já tinha outros trabalhos agendados em Portugal antes da Covid, e precisava retornar ao país para cumpri-los, o que atrapalhou os planos da Globo. O galã, no entanto, deixou claro que a emissora sabia desses seus compromisso de antemão, mas a pandemia pegou a todos de surpresa.

José Condessa esteve em Salve-se Quem Puder. (Foto: reprodução/Globo)
José Condessa esteve em Salve-se Quem Puder. (Foto: reprodução/Globo)

Ator sofreu ao protagonizar cenas quentes em Portugal

Em Portugal, o ex-ator da Globo estrelou a novela Bem Me Quer, e logo depois, foi escalado para a série O Crime do Padre Amaro, baseado em um livro homônimo de Eça de Queiroz, e que é conhecido por ser um romance com alto teor erótico.

Assim como o livro, a série, exibida em 2021, também contou com várias cenas quentes, que foram protagonizadas por José Condessa e a sua namorada, Bárbara Branco. Porém, se engana quem pensa que o fato de já terem um relacionamento na vida real ajudava o casal a ficar mais à vontade em cena.

José Condessa ao lado da namorada, Bárbara, na série O Crime do Padre Amaro. (Foto: reprodução/internet)
José Condessa ao lado da namorada, Bárbara, na série O Crime do Padre Amaro. (Foto: reprodução/internet)

Em entrevista a uma revista portuguesa, Bárbara explicou que o casal sofreu bastante nessas sequências íntimas, justamente por serem um casal que estava acostumado a ter relações de forma privada, mas agora precisava “fazer isso” na frente de uma equipe de profissionais.

Além disso, a atriz contou que, artisticamente, isso também se tornava um empecilho, uma vez que na trama, os seus personagens precisavam parecer estarem quebrando barreiras e ter uma certa resistência nas cenas sensuais, por ainda estarem se conhecendo, mas a química que o casal já possui, por estarem juntos há quatro anos, pode acabar não deixando essa impressão.