Atriz do SBT discorda de Silvio Santos e é intimida a trabalhar: “Nunca passei uma vergonha tão grande”


SBT (Foto: Reprodução)

Decisão de Silvio Santos faz atriz do SBT ter baita dor de cabeça 

Lá nos anos 90, a atriz Jussara Freire talvez jamais tivesse imaginado que entraria em atrito com Silvio Santos e seria intimado por um oficial da Justiça para… Atuar! Nesta década o dono do SBT a resolveu fazer das suas apostas, no caso de Silvio é aquela questão de tentativa e erro.

Pois bem, nos anos 90, o Señor Abravanel queria apostar com tudo nos teleteatros. Basicamente os teleteatros são gravações de peças teatrais encenadas ao vivo diante de uma plateia. Nisto SBT recorreu aos textos de Crayton Sarzy para a sua nova aposta, acontece que estes roteiros tinham a cara dos anos 70.

Diversos atores e atrizes envolvidos neste projeto reclamavam que os textos era ruins. Como uma forma de protesto, inclusive, alguns deles se recusavam a gravar. O setor jurídico do SBT foi acionado e afirmou que não pagaria os artistas que não trabalhassem, quer um exemplo disso?

+ Após 11 anos na emissora, grande ator deixa a Globo e mira nos serviços de Streaming

A atriz Marília Pêra. Mesmo contratada, ela não ganhou salário já que não queria fazer estes teleteatros, em pouco tempo, Marília saiu do SBT e foi para a TV Manchete. Por outro lado, o advogado que estava cuidando do caso pela parte dos artistas, Salvador Regina, aconselhou que eles voltassem a trabalhar já que se seguissem como estavam teriam que pagar uma gorda multa de 500 mil.

Joana Fomm, Ana Paula Arósio, Jussara Freire, Irene Ravache e entre outras voltaram a atuar, mas quando acabou o contrato não renovaram com o SBT.

+ Mesmo mantendo uma relação agradável para o público, Hebe brigou muito com Silvio Santos

Jussara Freire em entrevista para o jornal O Estado de São Paulo, chegou a contar o seguinte sobre este caso:

Em 31 anos de carreira, nunca passei uma vergonha tão grande, em todos os sentidos. O SBT tinha um elenco bárbaro na época: Joana Fomm, Irene Ravache… Mas fomos obrigados a encenar textos absurdos, mal traduzidos e sem nenhum nexo”, disse ela em 2005 e que chegou a ir um oficial da Justiça em sua casa a cobrando para atuar.

Jussara Freire (Foto: Reprodução/Globo)