Atriz foi acusada de roubar papel de colega em novela da Globo e se pronunciou: “Recebi uma ligação”


Débora Duarte foi acusada de roubar papel de colega na Globo. (Foto: reprodução/Montagem/Fatos da TV)
Débora Duarte foi acusada de roubar papel de colega na Globo. (Foto: reprodução/Montagem/Fatos da TV)

Débora Duarte foi acusada de roubar o papel de Maria Cláudia na novela “Coração Alado”

Já imaginou ser uma atriz renomada da TV Globo e ser acusada de ter tomado o papel de outra colega de profissão famosa? Pois bem, isso aconteceu com Débora Duarte, mãe da também atriz Paloma Duarte.

Com uma trajetória extensa e consagrada na TV Globo, atualmente com 73 anos, Débora ainda se mantém ativa na profissão e recentemente atuou na novela “Um Lugar ao Sol” (2021). Entretanto, a acusação de roubo de papel aconteceu há muitos anos e, de tempos em tempos, ressurge na mídia.

O fato ocorreu durante a novela “Coração Alado” (1980), onde Débora foi acusada de ter roubado o papel de Maria Cláudia. O episódio gerou grande escândalo e Débora precisou se defender das acusações. Em uma entrevista, ela afirmou que não teve nada a ver com a demissão de ninguém da TV Globo e que não havia tomado o lugar de ninguém.

Débora Duarte e Maria Cláudia. (Foto: reprodução/Montagem)
Débora Duarte e Maria Cláudia. (Foto: reprodução/Montagem)

Atriz se pronunciou sobre a acusação

“Não fui responsável pela demissão de nenhum colega na Globo e não roubei o papel de ninguém. Fui convidada por telefone para interpretar o papel de Catucha e não discuti sobre valores. Meu advogado cuidou de tudo. Isso não me interessa e não é da minha conta”, disse Débora.

Em resumo, não houve comprovação do roubo de papel, mas a acusação permanece. Maria Cláudia, a atriz que foi prejudicada segundo as acusações, nunca se pronunciou sobre o episódio. Ela afastou-se da televisão desde 2010, quando atuou em uma novela no SBT e em uma série na Record, e nunca mais tocou no assunto.

Débora Duarte é lembrada pelos seus papéis secundários em sua longa carreira na TV Globo, enquanto Maria Cláudia teve sua última aparição na televisão em um episódio do programa “Linha Direta” (2004).