Que fim levou

Atriz celebrada da Globo faleceu precocemente depois de padecer de um câncer linfático, aos 39 anos


Atriz da Globo faleceu após lutar contra câncer( Foto: reprodução/Globo)

A atriz que fez historia participando em diversas produções de sucesso da Globo, faleceu no auge da carreira após lutar contra o câncer

No final da década de 1970 Thais de Andrade era uma estrela em ascensão na Globo, esbanjando beleza, juventude e doçura nos papéis que fez nos palcos, cinema e televisão.

Infelizmente, a promissora atriz nos deixou muito cedo, com apenas 39 anos de idade. Thais Helena Andrade Pereira dos Santos nasceu em São Paulo, em 09 de fevereiro de 1957.

A artista era sobrinha do importante cineasta Nelson Pereira dos Santos, e fez sua estreia como atriz atuando em “O Amuleto de Ogum” (1974), uma produção dirigida pelo seu tio.

Em 1975 ela estreou no teatro em grande estilo, atuando em “Ricardo III”, dirigida pelo lendário diretor Antunes Filho.

A atriz da Globo também começou a fazer alguns trabalhos na televisão, aparecendo em peças filmadas pela TV Cultura, em programas de humor, como “Chico City”. Também, apareceu em alguns comerciais publicitários.

Veja também

João Carlos Barroso e Thais de Andrade em "Locomotivas" (Foto: reprodução/Globo)
João Carlos Barroso e Thais de Andrade em “Locomotivas” (Foto: reprodução/Globo)

A artista ganhou o concurso

Contudo, sua grande chance veio quando ela se inscreveu num concurso que revelava atrizes no programa Moacyr TV, em 1977.

O programa, na Rede Globo, era apresentado por Moacyr Franco, e revelou nomes como Ísis Koshodoski, Silvia Salgado Myrian Rios.

Thais venceu o concurso, e foi contratada pela Globo, que a escalou como uma das filhas da ex-vedete Kiki Blanche (Eva Todor), na novela “Locomotivas” (1977). Em seguida, ela atuou na novela “Sinhazinha Flô” (1977-1978), onde interpretava a personagem Chiquinha.

Assim, durante a produção da novela a atriz da Globo engravidou de seu terceiro filho, causando problemas para a direção, que precisou achar um jeito de esconder a sua barriga em cena. Thais de Andrade era uma das protagonistas da produção, ao lado de Bete Mendes.

Em 1978 ela fez seu segundo e último papel no cinema, atuando no sucesso A Dama da Lotação (1978). Um dos maiores campeões de bilheteria do cinema brasileiro.

Mas foi na televisão que a atriz fez a maior parte dos seus papéis, atuando nas novelas Feijão Maravilha (1979), Pai Herói (1979), Chega Mais (1980) e Olhai os Lírios do Campo (1981).

Stênio Garcia e Thais de Andrade em "O Amor É Nosso" (Foto: reprodução/Globo)
Stênio Garcia e Thais de Andrade em “O Amor É Nosso” (Foto: reprodução/Globo)

Em 1981 ela chegou a aparecer na chamada da novela “O Amor É Nosso” (1981), e já tinha gravado alguns capítulos. Quando acabou cortada da trama pelo diretor-geral do canal, José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni.

Boni achou que ela era muito velha para viver uma adolescente, e mandou o diretor substituí-la pela atriz Simone Carvalho, que era três anos mais nova.

A atriz foi trabalhar em outra emissora

Assim, chateada com a situação, e sonhando em ser protagonista, ela aceitou o convite da TVS (hoje SBT). Para fazer parte do primeiro núcleo de novelas produzidas pelo canal.

Então, Thais fez as primeiras novelas produzidas pelo SBT, atuando em “A Justiça de Deus” (1983), “Sombras do Passado” (1983), “Vida Roubada” (1983-1984), “Jogo do Amor” (1985) e “Uma Esperança no Ar” (1985-1986).

A partir de então, ela não fez mais novelas. A atriz que fez parte da Globo fez muitas peças de teatro, e passou a ingressar o elenco dos humorísticos do SBT.

Em 1994 a atriz acabou diagnosticada com um câncer linfático, que não a impediu de continuar atuando até 1996. Mas seu estado de saúde acabou a afastando da televisão.

Por fim, em 27 de abril de 1996 ela perdeu a batalha contra um câncer linfático, falecendo prematuramente, com apenas 39 anos de idade.

Thais de Andrade (Foto: reprodução/Globo)
Thais de Andrade (Foto: reprodução/Globo)

Autor(a):

Eu sou Bruna Alves, redatora de notícias da televisão e celebridades desde 2016, com passagens em alguns sites da área ao logo desse tempo. No FATOS DA TV, trago notícias com credibilidade e responsabilidade aos leitores, relembrando acontecimentos passados da TV e dos famosos, mas também deixando os leitores atualizados com assuntos da atualidade.