Atriz da Globo ícone dos anos 90 viveu drama que comoveu todo o país: “Não lembro de nada”


Atriz da Globo ficou em como após lipoaspiração (Foto: reprodução/Globo)
Atriz da Globo ficou em como após lipoaspiração (Foto: reprodução/Globo)

Atriz que participou de várias novelas e produções de sucesso, inclusive na Globo, ficou entre a vida e a morte após procedimento estético

A Atriz que fez parte de várias produções, inclusive da Globo, Cláudia Liz. No auge da fama, e com uma carreira na televisão em ascensão, a atriz passou por uma situação complicada, quando se submeteu a uma lipoaspiração em outubro de 1996.

A artista sofreu um choque anafilático durante a anestesia, e chegou a ficar 86 horas em coma, além de ter ficado vários dias internadas.

Então, a famosa só falou a respeito do assunto em 2021, muitos anos após o acontecido. Nas suas redes sociais, Cláudia Liz desabafou:

“Apequenar se e apequenar o outro! É um sofrimento querer se enquadrar num Padrão de beleza, a gente se apequena, acaba com nossa autoestima, mas temos que falar também de quem apequena o outro por ele não estar dentro do padrão de beleza“, refletiu a atriz da Globo.

“Uma vez uma jornalista escreveu que eu estava gorda e me comparou com uma mulher, que eu acho linda, mas o intuito dela era criticar a aparência dessa mulher e a minha . Eu era muito jovem e me afetou muito. Meu trabalho estava ligado a minha aparência física, mexeu com meu profissionalismo e com minha auto estima”, disse a modelo.

Me senti ridicularizada, diminuída, exposta e por causa disso fui fazer a cirurgia e entrei em coma… Não lembro de nada… Ninguém tem o direito de apequenar o outro… e só para não ir para outro lado, não tenho mágoa nenhuma dela Exposição”, contou Cláudia Liz.

Claudia Liz arrasava nas passarelas e despontava representando marcas de renome (Foto Reprodução/Instagram)
Claudia Liz arrasava nas passarelas e despontava representando marcas de renome (Foto Reprodução/Instagram)

A Atriz voltou a atuar

Em seguida, fez a novela “Serras Azuis” (1998) na TV Bandeirantes, e depois atuou na novela “Pecado Capital”, na Globo, (1998-1999), onde interpretou a Gigi.

Na sequência, fez “Uga Uga” (2000-2001) e Roda da Vida (2001), na TV Record.

No cinema, Cláudia Liz ainda trabalhou com o grande cineasta Walter Hugo Khouri no filme “As Feras”. O filme foi rodado em 1995, mas brigas entre o diretor e o produtor fizeram a obra ser lançada somente em 2001.

A atriz da Globo ainda atuou nos curtas “Até a Eternidade” (1997) e “Um Dia… e Logo Depois o Outro” (1998), e nos longas “Hans Staden” (1999) e “Procuradas” (2004), seu último trabalho como atriz.

Contudo, uma boa proposta para trabalhar como consultora em uma empresa do ramo da moda a tirou da carreira em frente às câmeras.

Depois, Cláudia montou um estúdio de design, e passou a trabalhar como ilustradora e artista plástica, profissão que exerce atualmente.

A atriz da Globo foi casada com o empresário Ângelo Leuzzi e com o publicitário Celso Loducca, e desde 2004 é casada com o piloto de Stock Car Beto Giorgi.

Hoje Claudia Liz se dedica às artes plásticas (Foto Reprodução/Instagram)
Hoje Claudia Liz se dedica às artes plásticas (Foto Reprodução/Instagram)
Bruna Alves

Autor(a):

Bruna Alves

Eu sou Bruna Alves, redatora de notícias da televisão e celebridades desde 2016, com passagens em alguns sites da área ao logo desse tempo. No FATOS DA TV, trago notícias com credibilidade e responsabilidade aos leitores, relembrando acontecimentos passados da TV e dos famosos, mas também deixando os leitores atualizados com assuntos da atualidade.