Atriz relevou que gravou toda a novela “Caminho das Índias” enquanto lutava diariamente contra o câncer


Elenco da novela Caminho das Índias (Foto: Reprodução, Globo)
Elenco da novela Caminho das Índias (Foto: Reprodução, Globo)

Os bastidores de Caminho das Índias foi marcado pela linda história da atriz que mesmo lutando contra o câncer não deixou de gravar suas cenas

Caminho das Índias é uma telenovela brasileira produzida e exibida pela TV Globo no horário das 20 horas de 19 de janeiro a 12 de setembro de 2009 em 203 capítulos. Substituiu A Favorita e foi substituída por Viver a Vida, sendo a 72ª “novela das oito” exibida pela emissora.

Bastante conhecida nas telinhas, a atriz foi intérprete da personagem Ashima. A mulher era uma viúva indiana que abriu uma pastelaria no bairro da Lapa e levava uma vida alegre no Rio de Janeiro. Mãe de Indra (André Arteche) e Malika (Nahuana Costa), ela só permanecia no Brasil porque na região em que morava sua família indiana, ela não teria chance de se casar ou abrir o próprio negócio. No entanto, o grande sonho da personagem era mandar o filho para estudar nos Estados Unidos e depois juntá-lo com uma moça indiana.

Atriz de Caminho das Índias, Mara Manzan (Foto: Reprodução, Globo)
Atriz de Caminho das Índias, Mara Manzan (Foto: Reprodução, Globo)

Sua morte

Contudo, Mara Manzan faleceu em 2009, ano em que Caminho das Índias foi ao ar. A atriz tinha 57 anos de idade e estava internada no Hospital Rio’s D’or, no Rio de Janeiro. Mara vinha lutando contra um câncer que havia descoberto no pulmão desde 2008 e precisou passar por procedimentos, quimioterapia, entre outros tratamentos que agravaram sua saúde.

Atriz de Caminho das Índias, Mara Manzan (Foto: Reprodução, Globo)
Atriz de Caminho das Índias, Mara Manzan (Foto: Reprodução, Globo)

Mara Vergínia Manzan nasceu em São Paulo, em 28 de maio de 1952. Estava com apenas 17 anos, quando foi assistir a uma peça, no Teatro Oficina e “de lá nunca mais saiu”, ela dizia brincando, pois se apaixonou de tal forma. Lá, ela ficou fazendo de tudo: ajudando o pessoal nos bastidores, na maquiagem, nas compras, enfim, enturmou-se totalmente. Então, um dia uma atriz faltou e ela foi para o palco fazer o papel. Estava decidida sua profissão.