Atriz revolta elenco de Travessia e pode ser afastada


Atriz da Globo em Travessia, Cássia Kis (Foto: Reprodução)

Travessia pode perder alguém do seu elenco, após atriz fazer comentários homofóbicos em entrevista

As últimas declarações de Cássia Kis caíram como bomba na Globo, considerada homofóbica, durante entrevista para a jornalista Leda Nagle. Parte do elenco de Travessia, em que a atriz trabalha vivendo Cidália, um papel de destaque, ficou revoltado e pediu providências à emissora. Nos bastidores fala-se que ela pode ser afastada da produção após ter sido denunciada ao setor de compliance da empresa.

Após dizer que “não existe mais o homem e a mulher, mas a mulher com mulher e homem com homem, essa ideologia de gênero que já está nas escolas. Eu recebo as imagens inacreditáveis de crianças de 6, 7 anos se beijando. Duas meninas dentro de uma escola se beijando, onde há um espaço chamado beijódromo”, Cássia Kis virou o assunto do momento nas redes sociais e também na imprensa.

Atriz da Globo em Travessia, Cássia Kis (Foto: Reprodução)

Bolsonarista convicta, ela completou: “O que está por trás disso? Destruir a família. Destruir a vida humana? Porque onde eu saiba homem com homem não dá filho, mulher com mulher também não dá filho. Como a gente vai fazer?”, numa declaração que foi vista como homofóbica.

Revolta do elenco de Travessia

Alguns atores da novela Travessia ficaram revoltados com a posição da colega de cena e a isolou ainda mais. Anteriormente, ela vinha causando nos bastidores da novela para defender Jair Bolsonaro (PL) e estava incomodando os artistas. Como todos sempre tiveram muito carinho por ela, relevavam as fakes news e tentativa de doutrinamento a favor da extrema-direita, mas a compreensão é de que agora Cássia Kis passou do ponto.

Atriz da Globo em Travessia, Cássia Kis (Foto: Reprodução)

Posteriormente, um ator que falou em sigilo, a declaração de Cássia ultrapassou o limite do bom senso e precisa ser punida. Ele explicou que o caso foi levado por um grupo de atores ao compliance da Globo e foi pedido até o afastamento da atriz na novela.

Por fim, procurada, a Globo enviou a seguinte nota: “A Globo tem um firme compromisso com a diversidade e a inclusão e repudia qualquer forma de discriminação.”