Caio Castro tem passado sombrio na Globo e quase foi demitido por motivo inacreditável: “Última chance”


Ator Caio Castro. (Foto: Reprodução)
Ator Caio Castro. (Foto: Reprodução)

Atualmente, Caio Castro vive o seu melhor momento na carreira, seja como ator ou apresentador, principalmente após ter interpretado Dom Pedro I em Novo Mundo (2017), novela considerada um verdadeiro divisor de águas na sua trajetória.

Mas quem hoje vê o galã desfrutando de tudo isso, não imagina que, alguns anos atrás, ele esteve próximo de protagonizar um grande vexame, que poderia arruinar a sua carreira e fazê-lo ficar com a imagem manchada por um ato de rebeldia e indisciplina.

O famoso não pode reclamar de faltas oportunidades na Globo, pois desde a sua estreia em Malhação, que ocorreu por meio de um concurso do Caldeirão do Huck, em 2007, ele emplacou uma sequência de trabalhos em folhetins, inclusive no horário nobre, como Fina Estampa (2011) e Amor à Vida (2013).

Caio Castro quase foi demitido pela Globo em 2014

Em 2014, no entanto, Caio Castro resolveu viver uma fase de “rebelde”. Mesmo com contrato fixo com a Globo, que permitia que a emissora o escalasse para os trabalhos que bem entendesse, o ator simplesmente começou a recusar as convocações que recebia. Na época, depois de participar de Amor à Vida, especulou-se que a estrela disse “não” para ao menos cinco novelas, uma delas, Boogie Oogie (2015).

Eis que, em meados daquele ano, a Globo decidiu dar um ultimato ao galã: ele foi escalado para I Love Paraisópolis, e caso se recusasse a participar do folhetim, seria demitido, sendo o primeiro ator na história da emissora a ter o seu contrato rescindido por essa razão. O detalhe é que ele havia renovado o seu vínculo com o canal pouco antes de dar início a essa série de recusas.

Após receber o ultimato, Caio Castro finalmente acatou a participação, e ganhou relativo destaque em I Love Paraisópolis na pele do vilão Grego antes de engatar uma sequência de trabalhos que o deixa em alta atualmente. “O ator sempre busca evolução no seu trabalho, então a cada novo projeto aprendo algo novo, uma técnica diferente, mas o que mais mudou talvez tenha sido a minha percepção da profissão, vejo mais poesia na minha profissão hoje e aprendi a fazer escolhas”, falou o ator em entrevista ao site Purepeople, em 2020.

Vale lembrar que em 2019 o ator perdeu o seu contrato fixo e de exclusividade com a Globo, mas isso fez parte de uma nova política da emissora, que para cortar gastos, passou a trabalhar com a grande maioria dos seus atores utilizando vínculos por obra, tanto é que o galã segue atuando na emissora, estando atualmente no ar na novela Todas as Flores, disponível no Globoplay.