Explosivo! Datena não suportou permanecer em emissora e sofreu perda milionária: “Me ameaçou”


Datena no Brasil Urgente (Foto: Reprodução)
Datena no Brasil Urgente (Foto: Reprodução)

Datena contou o prejuízo milionário ao retornar à Band

Em 2011, o conhecido apresentador Datena retornou à Band, após um afastamento de 43 dias. Ele foi atraído por uma oferta da Record, mas durante sua breve estadia no programa reestruturado Cidade Alerta, ele alegou censura e decidiu voltar à TV Bandeirantes.

+ Arrependida! Atriz detonou participação em O Rei do Gado e criticou o autor: “É horrível”

Originalmente, Datena retornou à emissora de Edir Macedo depois de um hiato de oito anos. Informaram-lhe que se cumprisse cinco anos na Record, conforme estipulado no contrato, a multa adquirida durante sua passagem anterior seria anulada.

Na época da quebra de contrato, em uma entrevista para a Folha, Datena argumentou que a Record estava mudando a situação. Em sua opinião, a emissora deveria ter perdoado sua primeira multa. Ele afirmou que pretende cobrar a segunda multa, já que, segundo ele, a emissora não cumpriu o acordado.

+ Silvio Santos desembolsou uma fortuna para manter ator de Vai na Fé no SBT

Ele expressou sua independência dizendo que não se importava se as pessoas gostavam dele ou não. Ele não se via como um produto comercial e explicou que decidiu deixar a Band por causa de pessoas que o perturbavam, apesar de suas queixas. A Record surgiu como uma opção, pois ele tinha um bom relacionamento com a emissora, tendo trabalhado lá por oito anos.

Ao se livrar da Record, Datena saiu na pior gerando uma dívida milionária (Foto: Reprodução)
Ao se livrar da Record, Datena saiu na pior gerando uma dívida milionária (Foto: Reprodução)

Apresentador expôs censura

No entanto, Datena teve experiências negativas na Record. Ele disse que sentiu como se estivesse em uma torre de marfim, recebendo mensagens que soavam como censura. A emissora o colocou em quarentena e o proibiu de falar com a imprensa por seis meses.

Ele também foi proibido de criticar a Record no ar, e o diretor de jornalismo o ameaçou, citando o caso de Tom Cavalcante, que teve que pagar uma multa de R$ 100 mil por falar mal da emissora. “Me ameaçou”, disparou na entrevista.

Datena ainda destacou que teve matérias cortadas ao vivo para evitar pagamento de horas extras à equipe. Ele mencionou o caso de Hamilton, que tinha total liberdade na Band, mas que na Record teve suas atividades limitadas. Conforme Datena, disseram a ele: “Não use demais, senão banaliza o cara”. Essas experiências reforçaram sua decisão de retornar à Band.

+ Dissolvida e fora do ar: o fim de emissora de TV carioca que nunca mais voltou e deu lugar à outra

O valor da multa

No mês de novembro de 2022, Datena fez uma revelação sobre a multa que teve de pagar. Ele tinha convicção de que permaneceria na Record por quatro anos, contudo, ao perceber que havia cometido um erro, optou por retornar à Band. A escolha dele teve um preço alto. Se tivesse ficado na Record, Datena teria perdido somente os R$ 5 milhões referentes à multa da Band. Ao contrário, optando por voltar, ele teve um prejuízo de R$ 60 milhões.

Datena no comando do Brasil Urgente
Datena no comando do Brasil Urgente (Foto: Reprodução/ Band)
Hudson William

Escrevo sobre notícias da TV e das celebridades há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.