Datena não aguentou ficar na Record e perdeu milhões após romper contrato: “Me ameaçou”


Ao se livrar da Record, Datena saiu gerando uma dívida milionária
Ao se livrar da Record, Datena saiu gerando uma dívida milionária (Foto: Reprodução)

José Luiz Datena adquiriu nova multa em passagem relâmpago pela emissora

Em julho de 2011, Datena retornava à Band, após ficar afastado por 43 dias da emissora. O apresentador disse ter se sentido seduzido pela proposta da Record, porém, durante curta passagem pelo relançado Cidade Alerta, alegou ter sofrido censura e retornou à TV Bandeirantes.

+ O que aconteceu com Gilberto Barros? Apresentador sumiu da TV após enorme polêmica

Na época, José Luiz Datena retornava à emissora de Edir Macedo, após ter ficado distante por 8 anos, e lhe foi dito que, caso permanecesse durante cinco anos na Record – como previa o contrato – , a multa que Datena adquiriu em sua passagem anterior seria anulada.

O apresentador devia R$20 milhões à emissora da Barra Funda e, após sua última passagem pela casa, aumentou sua dívida para R$45 milhões, visto que foi multado por não cumprir o novo contrato.

Declarações do apresentador

“Eles estão invertendo a bola. O natural seria perdoarem a minha primeira multa. E eu é que vou cobrar esta segunda, pois foram eles que não cumpriram o que estava combinado”, declarou Datena.

“Estou absurdamente bem resolvido. E cagando se as pessoas gostam ou não de mim. Não sou um produto comercial de prateleira”, declarou, ao falar do que o levou a sair da Band. “Haviam pessoas que me incomodavam, avisei isso e não fizeram nada. Então busquei a Record, onde tinha ótimas relações. Afinal, havia trabalhado lá por oito anos.”, continuou o jornalista.

+ Walcyr Carrasco perdeu a paciência e protagonizou confusão com espectadores: “Gente chata”

“Só que hoje ele subiu e fica numa espécie de torre de marfim, mandando recados que pareciam censura. Me puseram de quarentena e me proibiram de falar com a imprensa por seis meses. Também me proibiram de fazer críticas à Record no ar. O diretor de jornalismo me ameaçou, mencionando o caso do Tom Cavalcante, que teve de pagar uma multa de R$ 100 mil por ter falado mal da emissora. Foi aí que pensei: ‘sobre quais assuntos posso falar?’. Quando meti o pau no Ricardo Teixeira [ex-presidente da CBF] ninguém falou nada, porque é do interesse deles”, disse ele em fala sobre Honorilton Gonçalves, ex-diretor artístico e ex-vice-presidente artístico da emissora.

“Chegaram a cortar matéria ao vivo para não pagar hora extra da equipe. Veja o caso do Hamilton [comandante]. Ele tinha liberdade total na Band, mas na Record cortaram o barato dele. ‘Não usa demais, senão banalisa o cara’, era o que me diziam”, finalizou Datena, ainda ao falar sobre sua passagem pela Record.

Datena voltou para o Brasil Urgente (Foto: Reprodução)
Datena voltou para o Brasil Urgente (Foto: Reprodução)
Hudson William

Escrevo sobre notícias da TV e das celebridades há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.