Estrela da Globo, morreu logo após final da novela e motivos deixaram a emissora desolada


Estrela da Globo morreu dias após fim da novela, e deixou emissora desolada (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)
Estrela da Globo morreu dias após fim da novela, e deixou emissora desolada (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)

Estrela renomada da Globo, morreu em 2003, apenas oito anos após novela de sucesso

A novela “A Próxima Vítima”, foi exibida na Globo em 1995 em seu horário nobre, e fez um estrondoso sucesso. Ela foi escrita por Silvio de Abreu e dirigida pelo saudoso Jorge Fernando.

Claudia Rodrigues escolheu essa pessoa como o grande amor dela e agora já sabemos o motivo

Porém não podemos deixar de falar do grande elenco que ajudou ainda mais a emplacar o sucesso da novela. Porém dentre eles, infelizmente tivemos algumas perdas, como o ator Carlos Eduardo Dolabella.

Mesmo tendo aparecido pouco na novela, a morte de seu personagem, Giggio De Angelis, foi muito significativa para  a trama toda, iniciando a série de assassinatos. na história ele foi morto por “Adalberto” anos antes a mando de “Francesca Ferreto” interpretada por Tereza Rachel, que era mulher de “Angelis” e amante do assassino.

Carlos Eduardo Dolabella interpretando "Giggio De Angelis" em "A Próxima Vitima"
Carlos Eduardo Dolabella interpretando “Giggio De Angelis” em “A Próxima Vitima” (Foto Reprodução/Globo)

Pra quem não sabe, o ator é pai de Dado Dolabella, e morreu em 2003, apenas oito anos após “A Próxima Vítima”, vítima de um infarto. O ator estava internado na “Unidade Coronariana do Samaritano”. Na ocasião, ele apresentava um quadro de insuficiência cardíaca.

A saúde do ator na época já vinha se deteriorando meses antes da sua morte, visto que ele também sofria de diabetes. Segundo a equipe médica do Samaritano. Inclusive, os problemas de saúde levaram a TV Globo a afastar Dolabella do elenco da novela “O Beijo do Vampiro”, vale destacar que ele nem chegou a atuar na novela.

Eduardo Dolabella (Foto Reprodução/Memória Globo)
Eduardo Dolabella (Foto Reprodução/Memória Globo)

Trajetória do ator

Na TV Globo, Carlos Eduardo Dolabella atuou ainda em quatro minisséries e 13 casos especiais, participou de 16 peças de teatro e de 15 filmes. A estreia do ator na televisão ocorreu em 66 na novela “O Amor tem Cara de Mulher” da findada TV Tupi , de autoria de Cassiano Gabus Mendes.  Seu último trabalho na TV foi na novela da Globo “Porto dos Milagres” em 2001,

Carlos Eduardo Dolabella se formou em relações públicas na Suíça na década de 1960. Falava cinco idiomas. Antes de se dedicar à carreira de ator, ele chegou a trabalhar em empresas do avô. Gostava muito de música e chegou a pensar em se tornar cantor.

Carlos Eduardo Dolabella interpretou Arnaldo em Por Amor (Foto Reprodução/Globo)
Carlos Eduardo Dolabella e Cássia Kis em Por Amor (Foto Reprodução/Globo)

Flamenguista fanático, não costumava, antes de adoecer, perder os jogos do time carioca no estádio do Maracanã (zona norte do Rio). Carlos Eduardo Dolabella foi casado três vezes, sendo a última delas com a atriz Pepita Rodrigues, e deixou dois filhos, um deles foi Dado Dolabella, como mencionamos anteriormente.

Carlos Eduardo Dolabella, Pepita Rodrigues. e Dado Dolabella (Foto Reprodução/Internet)
Carlos Eduardo Dolabella, Pepita Rodrigues. e Dado Dolabella (Foto Reprodução/Internet)

 

 

Lennita Lee

Autor(a):

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ....