Estrela de Travessia tem histórico negativo e deixou novela por insatisfação com personagem


Humberto Martins (Foto: reprodução/ Globo)
Humberto Martins (Foto: reprodução/ Globo)

Boa parte dos atores que se dedicam às novelas reclamam da carga de trabalho dessas produções, já que precisam realizar gravações por muitas horas diariamente e durante meses. Com isso, pode haver imprevistos que fazem os artistas pedirem para reduzir as gravações ou até se afastarem da novela. Foi o que aconteceu com Humberto Martins, atualmente no ar em Travessia.

Na trama das 21h, o ator dá vida à Guerra, dono de uma construtora que rivaliza com Moretti (Rodrigo Lombardi), seu antigo sócio, e tem de lidar com problemas familiares depois que conhece Ari (Chay Suede), o namorado da sua filha, e Tonho (Vicente Alvite), o filho dele, por quem fica encantado.

Travessia, aliás, marca o retorno de Humberto às novelas depois de Verão 90 (2019), trabalho do ator que deu o que falar justamente pelo seu afastamento do folhetim em meio às gravações, com rumores de que ele estaria insatisfeito com o seu personagem.

Ator se afastou da novela

Na trama das 19h, Humberto Martins deu vida à Herculano, um ex-ator de pornochanchada. Em meio aos rumores de insatisfação com o papel, o personagem acabou sumindo da trama, depois de fazer uma viagem aos Estados Unidos para tentar a carreira de diretor em Hollywood.

A Globo deixou o destino do personagem em aberto, e o ator só retornou para gravar uma rápida aparição no penúltimo capítulo. Porém, na ocasião, a estrela de Travessia negou que tenha deixado a novela por insatisfação com o personagem, e alegou problemas de saúde.

“Não, eu não pedi para sair da novela, e jamais faria isso. Uma novela muito boa de fazer. O personagem, como todos, foi criado com muito zelo. Mas fiquei doente, como qualquer um, nada grave, somente temporário. Eu apenas pedi para gravar menos”, explicou o veterano.

Humberto Martins em Kubanacan. (Foto: reprodução)
Humberto Martins em Kubanacan. (Foto: reprodução)

Outro afastamento do ator

Porém, essa não foi a única vez que Humberto Martins acabou se afastando de uma novela em meio às gravações. Em 2003, o ator deu vida ao general Carlos Camacho, em Kubanacan, mas na época, foi noticiado que ele estava provocando uma guerra de egos com o protagonista Marcos Pasquim, e se sentia desprestigiado por aparecer menos que o colega na novela, mesmo sendo o antagonista da trama.

O veterano chegou a faltar às gravações, até que pediu o seu afastamento da novela, alegando que tinha problemas pessoais para resolver. Assim, ele foi substituído por Marco Ricca, que interpretou Celso Camacho, irmão do personagem. Humberto só retornou à Kubanacan na reta final da trama, mas o próprio Ricca pediu para deixar a novela após a volta do colega.