Heranças

Ex galã da Globo, abandonou a carreira para administrar fortuna, e morreu sozinho


João Paulo Adour com Sônia Braga e Edney Giovenazzi em Selva de Pedra (Foto: Reprodução - Globo)

Ex galã da Globo, que foi o mais requisitado da década de 60 a 80, teve um fim triste e sozinho

O galã da Globo, João Paulo Adour, que despontou em inúmeras novelas da emissora, entre os anos 70 e 80, e que sempre foi muito requisitado para atuar, teve um fim de vida muito triste e solitário.

O ator jogou tudo para o alto e abandonou a vida que levava na Europa ao passar  em um concurso para trabalhar na peça “Família Pouco Família”, nos anos 60.

João Paulo era considerado um dos maiores galãs entre a década de 60 a 80, e era muito comentado nas mídias da época (Foto Reprodução/Blogger)
João Paulo Adour era considerado um dos maiores galãs entre a década de 60 a 80, e foi muito comentado nas mídias da época (Foto Reprodução/Blogger)

O talento de João foi tanto que  ele ganhou um prêmio revelação da “Associação de Críticos do Teatro”. Depois de muito estudar sobre a teledramaturgia, João Paulo Adour fez sua grande estreia na TV, alguns anos depois, em 1969, com a trama “Um Gosto Amargo de Festa”, da Tv Record.

Já na década de 70, ele  trabalhou em novelas consideradas de ouro da Globo, como “Selva de Pedra” (1972), “O Bem-Amado” (1973), “Gabriela” (1975)

João Paulo Adour e a atriz Sônia Clara Ghivelder (Foto Reprodução/Folha de São Paulo)
João Paulo Adour e a atriz Sônia Clara Ghivelder (Foto Reprodução/Folha de São Paulo)

Foi na década de 80, que o ator viveu a censura ao interpretar um dos namorados de “Inácio”, vivido por Dennis Carvalho, na novela “Brilhante”. Após muito atuar, revolveu abandonar a carreira na Globo.

Veja também

João Paulo Adour no polêmico papel que fez em "Brilhante" (Foto Reprodução/Contigo!)
João Paulo Adour no polêmico papel que fez em “Brilhante” (Foto Reprodução/Contigo!)

Rico porém sozinho

Em 1994, Segundo a revista “Contigo!”, João Paulo Adour passou os anos seguintes viajando e vivendo a vida como um “bon-vivant”. Contudo, o galã da Globo foi vítima de um infarto fulminante, aos 77 anos.

Na ocasião, ele foi encontrado no apartamento onde morava, em São Conrado, zona sul do Rio de Janeiro. O sobrinho do ator, Thomaz Adour, contou que o tio morreu sozinho, cerca de 10 dias antes de ser encontrado:

“Ele morreu n* e com o livro que estava lendo na mão” – Revelou o sobrinho na época em que ator morreu.

Apesar de Rico, o ator João Paulo Adour acabou morrendo sozinho em seu apartamento (Foto Reprodução/Internet)
Apesar de Rico, o ator João Paulo Adour acabou morrendo sozinho em seu apartamento (Foto Reprodução/Internet)