Que fim levou

Ex-galã da Globo, Kadu Moliterno teve destino ingrato e precisou implorar por emprego: “Não me chamam”


Kadu Moliterno está afastado da TV. (Foto: Reprodução)

Kadu Moliterno já foi figurinha carimbada na TV entre os anos 1970 e 1990, se torando um dos principais galãs da Globo, mas o ator teve um destino ingrato, e hoje, aos 70 anos, está afastado da telinha, mas não por opção própria.

O famoso esteve em diversas novelas clássicas da emissora carioca, como Selva de Pedra (1972), A Viagem (1976), Cabocla (1979), O Dono do Mundo (1991), Renascer (1993), Pátria Minha (1994), Celebridade (2003), Da Cor do Pecado (2004), Malhação (1997, 2002, 2011), entre outras.

Nos últimos anos, no entanto, quando a Globo decidiu investir na política de contratos por obra, que dá mais liberdade para que os atores transitem entre emissoras, Kadu passou a realizar alguns trabalhos na Record, como A Terra Prometida (2016), Belaventura (2017) e Topíssima (2019), sua última novela até então.

Kadu Moliterno implora por emprego

A experiência e prestígio que conquistou ao longo de décadas na TV não parecem ser suficientes para fazer Kadu Moliterno voltar à telinha. Em recente entrevista ao UOL, o astro fez um desabafo, deixando claro que está disponível para voltar a atuar, mas que não tem recebido convites.

Veja também: Após lutar contra o vício, ex- global caiu em lágrimas por falta de trabalho: “Para mim sempre foi um esforço muito grande”

“Quero que as pessoas saibam que o Kadu quer e precisa trabalhar. Me perguntam: ‘Por que você não volta?’ E eu digo: ‘Porque não me chamam’”, disparou. O famoso ainda surpreendeu ao contar que chegou a ligar para a Globo se oferecendo para integrar o elenco do remake de Pantanal, que chegou ao fim em outubro.

“Pantanal tinha personagem para mim. Há muito tempo, quando soube que ia rolar, andei ligando para o autor e o diretor para me colocar à disposição. Sinto que eles pegaram o pessoal que já está lá dentro”, declarou o ator, que já esteve em várias novelas de Benedito Ruy Barbosa, o autor original de Pantanal.

Autor(a):