Ex musa da Globo se atirou de um prédio para escapar da morte e caso escandalizou o país


ex musa tomou uma medida desesperada para salvar sua vida (Foto Reprodução/Montagem/Fatos da Tv)
ex musa da Globo tomou uma medida desesperada para salvar sua vida (Foto Reprodução/Montagem/Fatos da Tv)

Ex musa da Globo, vista como uma das mais lindas, passou por um trauma assombroso e história choca até hoje

A atriz e apresentadora Leila Cravo, fez um enorme sucesso durante anos em produções da Globo, mas foi marcada para sempre após um terrível e traumático episódio da sua vida. Inclusive, vale destacar, que a sua história foi tão chocante que a Globoplay produziu um podcast voltado a contar essa história chamado “Leila”, e está disponível em toda as plataformas digitais além, claro, do canal de streaming.

Leila Cravo teve um caso tão chocante que sua história está sendo contada no podcast Leila do Globoplay (Foto Reprodução/Internet)
Leila Cravo teve um caso tão chocante que sua história está sendo contada no podcast Leila do Globoplay (Foto Reprodução/Internet)

No ano de 1975, a atriz que era considerada sex symbol, gerou o maior alvoroço depois de despencar de maneira misteriosa de uma suíte presidencial de um motel, localizado na Avenida Niemeyer, zona sul do Rio de Janeiro. A atriz sobreviveu a uma queda de 18 metros, algo que é equivalente a um prédio de cinco andares.

Leila Cravo era considerada um sex symbol na época (Foto Reprodução/Internet)
Leila Cravo era considerada um sex symbol na época (Foto Reprodução/Internet)

O caso logo chamou a atenção da mídia, no passado, ela além de várias novelas de sucesso na Globo,  foi também apresentadora de alguns quadros no Fantástico. Na época a polícia investigou e acabou concluindo que Leila Cravo havia tentado suicídio, se jogando de uma altura equivalente a um prédio de cinco andares.

Leila Cravo, após anos, quebrou o silêncio e contou a verdade por trás do ocorrido (Foto Reprodução/Internet)
Leila Cravo, após anos, quebrou o silêncio e contou a verdade por trás do ocorrido (Foto Reprodução/Internet)

Porém, no ano de 2018, em entrevista ao Domingo Show, a famosa deu a sua versão da história, dizendo ter sido vítima de uma violência. Ela relatou que estava com um rapaz num dos quartos, quando entrou na piscina, e em seguida viu que havia mais dois homens no local. Um deles, segundo ela, era ministro, porém, ele não teve a sua identidade revelada.

+Marido de Glória Perez teve um fim cruel e relato macabro veio à tona: “Definhou”

“Cala a boca, fica quieta, não adianta gritar que ninguém vai ouvir. E, se ouvir, ninguém vai te socorrer porque o poder aqui sou eu”  -Teria falado os envolvidos segundo ela

Leila Cravo abriu o coração no "Domingo Show" da Record (Foto Reprodução/Internet)
Leila Cravo abriu o coração no “Domingo Show” da Record (Foto Reprodução/Internet)

Depois de ter um revólver apontado para a sua cabeça, ela acabou apagando. Horas depois, ela contou ter sido encontrada da forma como acabou sendo divulgado. O exame de corpo de delito mostrou que ela foi violentada com uma barra de ferro:

“Se eu tivesse me jogado, se eu tivesse sido jogada, eu teria caído no mar. Um corpo com mais de 50 quilos projetado para frente, ele não volta para trás no caminho” – Explicou a atriz que continuou:

“Foi como se houvesse um complô para me matar profissionalmente, nacionalmente”

Após o ocorrido, Leila acabou deslumbrando o gosto amargo do fim de sua carreira, pois, a mesma encontrou dificuldades para outros trabalhos, sendo excluída da TV. Além disso ela teve politraumastismo e ficou em coma por alguns dias, chegando a perder o paladar, o olfato e 95% da visão do olho esquerdo.

De acordo com informações do UOL, Leila Cravo, morreu no ano de 2020, aos 66 anos de idade, e foi levada ao hospital sentindo dores em seu peito, infelizmente ela acabou não resistindo.

Lennita Lee

Autor(a):

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ....