Ex-parceira de Faustão anunciou livro bombástico com promessas de revelações surpreendentes


Faustão no extinto Domingão (Foto: Reprodução)
Faustão no extinto Domingão (Foto: Reprodução)

Ex-colega de Faustão prometeu um livro explosivo, prometendo revelações que vão chocar o público

Lucimara Parisi, uma vez parceira de trabalho de Fausto Silva, conhecido como Faustão, esteve nos holofotes prometendo o lançamento de uma biografia não autorizada sobre o ex-colega. A história entre os dois abrangeu décadas de colaboração no rádio e na televisão, destacando-se por suas interações no Domingão, programa icônico da Globo.

+ Atriz causa polêmica ao soltar o verbo e revelar seu desgosto por famosa novela da Globo

Durante 30 anos, a relação profissional e pessoal entre Lucimara e Fausto foi alvo de atenção, mas tudo desmoronou quando Parisi foi demitida da emissora líder de audiência. A separação profissional gerou desconforto e mágoa, especialmente por conta da dispensa inesperada e de conflitos não resolvidos.

+ Reviravolta inesperada: Musa deixa Globo por Faustão e agora enfrenta desemprego

Lucimara Parisi expressou publicamente sua desilusão com a situação ao ser dispensada da Globo e revelou seu desapontamento com Faustão. O impacto foi tamanho que ela se comprometeu a escrever uma biografia não autorizada, focada nos bastidores do programa que solidificou a carreira de Fausto Silva.

Lucimara Parisi ao lado de Faustão no Domingão, na Globo. (Foto: Reprodução/Globo)
Lucimara Parisi ao lado de Faustão no Domingão, na Globo. (Foto: Reprodução/Globo)

Em uma entrevista ao jornal Folha de São Paulo em 25 de maio de 2010, Lucimara detalhou constantes humilhações e constrangimentos nos bastidores do programa. Ela descreveu um encontro na casa de Fausto Silva, no qual foi informada de que teria redução de funções na atração, embora com salário inalterado e presença garantida no palco.

Entretanto, suas expectativas foram frustradas: ““Mas ele não cumpriu: me tirou do palco, me botou na geladeira e meu ordenado baixou. Fiquei muito triste”, desabafou. Ela expressou seu desejo de que Faustão reconhecesse o erro de tê-la afastado: “Ajudei muito a ele ganhar o dinheiro que ganha”.

Após a separação profissional, Lucimara Parisi revelou em uma entrevista ao programa Sensacional, da RedeTV!, que cortou completamente os laços com Faustão.

No entanto, o livro prometido para o final de 2020 acabou não sendo concretizado. Em 2013, a jornalista Keila Jimenez informou em sua coluna na Folha que o projeto de biografia não autorizada de Lucimara foi oficialmente cancelado.

Carreira

Lucimara Parisi, uma jornalista com múltiplos talentos, teve uma carreira diversificada que abrangeu rádio, televisão, atuação como atriz, dubladora e locutora. Seu percurso começou como figurante na TV Paulista e evoluiu para participações na Rádio Nacional (posteriormente Rádio Globo) de São Paulo, onde desempenhava papéis como rádio atriz e também se destacava como dubladora.

Seu envolvimento com o programa de rádio de Silvio Santos foi notável, interpretando o papel de Candinha no quadro “Mexericos da Candinha”, adaptado de uma coluna de revista feminina que mais tarde se tornou uma música de Roberto Carlos, explorando as fofocas do universo artístico, tema que hoje é associado à fama de Nelson Rubens e outros profissionais.

 

Lucimara Parisi já foi funcionária de um dos magnatas mais famosos da telecomunicação. Foto: Reprodução

Além disso, Parisi trabalhou com destaque na produção, sendo reconhecida por seu trabalho no programa de rádio Balancê em 1983, liderado por Osmar Santos, e como produtora no departamento de esportes da Rádio Nacional. Nos anos 80, ela assumiu a direção do programa “Perdidos na Noite” (1984-1988) e se tornou diretora do “Domingão do Faustão” desde sua estreia em 26 de março de 1989 até abril de 2009, quando se afastou temporariamente do programa e posteriormente deixou a Globo em outubro do mesmo ano. Sua parceria profissional com Fausto Silva remonta ao período do programa de rádio Balancê, onde colaboraram juntos.

Sua atitude irreverente diante das câmeras a fez ingressar verdadeiramente no mundo artístico. Ela participou da “Dança do Gelo” no programa de Faustão, mas teve que desistir devido à fratura de três costelas.

Em 2005, Lucimara Parisi lançou sua autobiografia “Uma Mulher Que Faz”, um relato não apenas sobre sua trajetória profissional, mas também uma oportunidade para compartilhar conhecimentos sobre comunicação, revelando os bastidores da produção de um programa de televisão.

Lucimara Parisi atualmente. (Foto: reprodução/internet)
Lucimara Parisi atualmente (Foto: reprodução/internet)

Vida atual

Em 2009, após um período de duas décadas colaborando com Fausto Silva na Rede Globo, Lucimara Parisi tomou a decisão de deixar a emissora. Sua trajetória, marcada por uma parceria de longa data com o apresentador, culminou em sua saída, abrindo um novo capítulo em sua carreira.

No início de 2010, Parisi fez uma mudança significativa ao ingressar no SBT para integrar o elenco do renomado Programa do Ratinho. Sua entrada nesse novo ambiente televisivo representou uma transição marcante em sua jornada profissional, trazendo consigo a expertise e experiência adquiridas ao longo dos anos anteriores.

Essa mudança não foi o fim, mas sim um ponto de virada na carreira da diretora e apresentadora. Em setembro de 2016, Parisi deu um passo adiante ao fazer a transição de diretora para apresentadora na RBTV, uma nova fase que lhe proporcionou a oportunidade de comandar seu próprio programa.

Esse novo projeto, que levava seu nome, ganhou destaque semanal na grade da emissora, permitindo que Parisi explorasse e compartilhasse sua visão e talento de uma forma mais ampla. Atualmente, a loira, dirige o Programa do Ratinho e comanda o LuPod- seu podcast no YouTube.

Hudson William

Escrevo sobre notícias da TV e das celebridades há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.