Fabio Assunção deixará de ser ator? Galã de Todas as Flores faz aposta e entra em nova faculdade


Fabio Assunção
Fabio Assunção (Foto: TV Globo)

Ator Fabio Assunção deu uma virada  e tanta de vida e parece que quer mais

Para quem é assinante do Globoplay, Fabio Assunção está no ar na novela Todas as Flores dando vida a Humberto. A novela virou um sucesso da Globo antes mesmo de estrear na emissora de forma aberta, mas acredita que o ator após o trabalho resolveu dar uma guinada na vida distante da atuação?

Mas, antes de saber desta nova empreitada de Fabio, em entrevista para o jornal Globo, saiba o que ele acha do seu trabalho como Humberto em Todas as Flores.

“Sua falta de pertencimento a este contexto e ao lugar de onde veio o coloca num deslocamento em looping. Ele é multifacetado, busca oxigênio enquanto se percebe julgado a céu aberto. Percorrer essa jornada na pele dele foi um esgrima complicado, fiquei catando os cacos, os fragmentos dessa personalidade, cena a cena. E com cada personagem Humberto se apresentava de um jeito”, analisou.

“Natural que esse perfil não tivesse um fio de coerência. Ele é no fundo um sobrevivente. A índole do Humberto é instável. Ele vê o mundo de acordo com o que viveu. E nunca conheceu uma sociedade justa. Ele não tem chances de escolha, é reativo”, disse Fabio.

O ator que atualmente tem 51 anos ainda acredita que o formato de novelas para o streaming é algo que veio para ficar. “A novela é um sucesso e ultrapassou qualquer expectativa. Achei esse formato um caminho novo que certamente abrirá o mercado para esse gênero“, opinou.

Fabio Assunção deu vida a Humberto de Todas as Flores (Foto: Reprodução/Globo)

Além de Todas as Flores, Fabio Assunção viu a série Onde Está o Coração passar recentemente na Globo e também fez a série FIM, ainda este ano, que é inspirada em um livro de Fernanda Torres.

Quando as gravações de FIM acabou, Fabio resolveu mudar e agora está estudando na universidade PUC-Rio. O curso? Ciências Sociais.

“Estou adorando o curso. Incrível. Sempre bom abrir mais a cabeça”, resumiu Fabio que não pretendia contar sobre o novo curso, mas depois ele foi flagrado por paparazzi aí não teve jeito.

De qualquer forma, o ator ainda não descarta mais uma possibilidade para explorar: A escrita.

“Escrevo pelo prazer que isso me traz. Mas não penso em tornar isso um produto. Adoro a ideia de um livro, e não seria biográfico. Nem ficcional. Talvez reflexões em um tipo de narrativa que não seja autorreferente. Acho orgânico escrever minha visão de mundo, sem deixar a ciência de fora”, concluiu.