Filha de grande autor da Globo se afasta da TV e luta contra doença incurável


Júlia Almeida é filha do autor da Globo Manoel Carlos. (Foto: reprodução)
Júlia Almeida é filha do autor da Globo Manoel Carlos. (Foto: reprodução)

Existem diversos casos de filhos de famosos e autores de novelas da Globo que até podem ser alçados à fama por influência dos pais, mas acabam mostrando seu próprio valor e emplacando uma série de trabalhos por mérito próprio. Foi caso de Júlia Almeida, filha do autor Manoel Carlos.

Júlia estreou na TV em 1992, na novela Felicidade, e depois, emplacou uma série de trabalhos em obras do próprio pai, como História de Amor (1995), Por Amor (1997), Laços de Família (2000) e Mulheres Apaixonadas (2003). Além disso, ela esteve em Presença de Anita (2001), Um Só Coração (2004), JK (2006), Duas Caras (2007), Caminho das Índias (2009), A Vida da Gente (2012) e Tempo de Amar (2017).

A novela das 18h, aliás, foi o seu último trabalho na TV até agora. Desde 2009, no entanto, ela passou a travar uma luta árdua contra a epilepsia, mas encara o problema com grande naturalidade, chegando a usar as redes sociais para falar sobre o assunto.

Como a ex-atriz da Globo lida com a doença

Em recente entrevista a revista Veja, a ex-atriz da Globo deu mais detalhes sobre a forma que lida com a doença. “A partir da primeira crise eu já comecei a me medicar, mas passei por uma fase de negação até que a ficha caiu. Eu tenho isso e preciso mudar minha vida. Preciso melhorar minha situação. Por exemplo, sou bem agitada, então preciso me controlar em alguns momentos, dormir melhor. Achar um meio termo”, declarou.

“Medicar-se nos horários certos é muito importante, assim como dormir e se alimentar bem. Faço terapia e indico para quem é diagnosticado. Também acho muito importante conversar com pessoas que têm a mesma condição, para ver que você não está sozinho e não se vitimizar”, afirmou.

Além de atriz, Júlia também investe em um projeto de e-commerce, tendo lançado a Florita Beachwear, sua marca de moda praia.