Funcionária da Globo é levada às pressas ao hospital após ingerir comida enviada para atriz global


Elenco da novela da Globo Elas por Elas (Foto: Reprodução, Globo)
Elenco da novela da Globo Elas por Elas (Foto: Reprodução, Globo)

Uma funcionária da Rede Globo acabou parando no hospital após comer refeição que era de um atriz da novela Elas Por Elas

Uma história um tanto esquisita rolou nos Estúdios Globo. Imagine só, alguém mandou comida para uma atriz de ‘Elas Por Elas‘, mas ninguém sabia de onde veio essa comida misteriosa. A artista pensou bem e resolveu não encarar o prato desconhecido. Porém, quem comeu a comida foi uma camareira que trabalha nos bastidores.

A coisa ficou feia depois disso… A camareira passou super mal logo depois de devorar a comida enigmática. Tiveram que levá-la para o hospital e ela acabou perdendo um dia de trabalho. O mais bizarro é que até agora ninguém sabe direito o que causou esse mal-estar. A Globo, quando questionada por Fábia Oliveira, disse que não sabia de nada.

Elenco feminino de Elas por Elas (Foto: Reprodução, Globo)
Elenco feminino de Elas por Elas (Foto: Reprodução, Globo)

A colunista do site Metrópoles ainda reforçou que a situação delicada aconteceu há duas semanas, aproximadamente, contudo só ganhou destaque na mídia e dentro da emissora nesta quarta-feira (04). Até o momento, nenhum profissional do elenco de ‘Elas Por Elas’ se pronunciou.

Entidade processa emissora e pede mudança no nome de novela

Na semana passada, o jornal Folha de S.Paulo revelou que a Associação Cultural Elas por Elas iniciou um processo na Justiça contra a emissora. Eles querem impedir que a Rede Globo continue usando o nome ‘Elas Por Elas’ na novela das 6. A dona desse projeto diz que ela tem os direitos do nome registrado no Instituto Nacional da Propriedade Industrial desde 2003.

Elenco de Elas por Elas (Foto: Reprodução, Globo)

Essa associação fica em Barbacena, Minas Gerais, e o trabalho deles é promover eventos culturais e estudar artes cênicas. A diretora que comanda a instituição defende que a Globo está usando o nome da da ONG sem autorização. Vale lembrar que essa novela é uma nova versão de uma que foi ao ar em 1982, escrita originalmente por Cassiano Gabus Mendes.