Últimas Notícias

Funcionários causam polêmica ao relatarem como era viver com Tarcísio Meira: “Ele não”


Funcionários causam polêmica ao falarem sobre Tarcísio Meira (Foto: Reprodução, Instagram)

Vitima do Covid, o ator Tarcísio Meira teve relatos de sua vida pessoal divulgados por funcionários, que vão lhe surpreender

Tarcísio Meira morreu aos 85 anos vítimas das complicações da Covid-19. Ele havia sido internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, no dia 6 de agosto, com a mulher, Glória Menezes.

Um dos mais reconhecidos nomes da atuação no Brasil, Tarcísio Meira tinha um currículo de mais de 60 trabalhos na televisão, entre novelas, seriados, minisséries, teleteatros e telefilmes, numa carreira que começou em 1961, na extinta TV Tupi.

Tarcísio Meira e Glória Menezes (Foto: Reprodução, Instagram)
Tarcísio Meira e Glória Menezes (Foto: Reprodução, Instagram)

Também participou de 22 longas-metragens, dirigidos por cineastas como Glauber Rocha, Walter Hugo Khouri, Anselmo Duarte e Bruno Barreto, além de 31 peças de teatro.

A vida longe das câmeras

A simplicidade de Tarcísio Meira era parte da personalidade do ator que encantou gerações por meio de trabalhos na televisão, cinema e teatro. É assim que lembram os vizinhos e funcionários da fazenda dele em Porto Feliz (SP), onde ele esteve isolado na pandemia com a esposa Glória Menezes.

Em entrevista, a artesã Nivea Maria Turuel conta que grande parte da família dela já morava na propriedade comprada pelo casal e, durante um período, ela também teve a oportunidade de trabalhar na fazenda para os artistas.

Veja também

Tarcísio Meira (Foto: Reprodução, Globo)
Tarcísio Meira (Foto: Reprodução, Globo)

“Ele sempre foi uma pessoa muito boa, sempre foi um homem simples. Vinha na casa da gente e tomava café com a gente. Ele não saía da cozinha, eu sempre estava com ele. Às vezes até me atormentando porque eu não tomo café e ele fazia eu tomar café“, lembra Nivea.

“A propriedade é vizinha nossa. Ele vinha comprar uva e era um senhor tranquilo, simples, um homem que conviveu muito em Porto Feliz. Várias vezes encontrei com ele em supermercado, farmácia, padaria. Muito tranquilo, simpático. Um homem que vai deixar muita saudade para Porto Feliz”, afirmou por fim.