Galã da Globo quebrou o silêncio e relatou que sofreu extrema violência dentro de sua própria casa


Galã da Globo fez um relato estarrecedor (Foto Reprodução/Montagem/Fatos da Tv)
Galã da Globo fez um relato estarrecedor (Foto Reprodução/Montagem/Fatos da Tv)

Galã muito famoso da Globo, e querido pelos brasileiros, narrou experiências terríveis que passou quando era mais novo

Cauã Reymond é um dos atores galãs mais queridos pelo público e procurado para elencar cada vez mais trabalhos na Globo. Seu último trabalho foi duplo, como os gêmeos Christofer/Renato.

Mas, quem vê o artista de 41 anos no auge do sucesso desfrutando uma vida muito boa, fruto do seu trabalho, nem imagina que ele já passou por momentos extremamente difíceis na sua vida.

Cauã Reymond em "Um Lugar ao Sol" (Foto Reprodução/Globo)
Cauã Reymond em “Um Lugar ao Sol” (Foto Reprodução/Globo)

Durante uma entrevista ao jornal O Globo, Cauã Reymond expôs o que ninguém se quer esperava ouvir e revelou que teve uma juventude recheada de traumas e violência:

“Vejo alguns colegas dizendo que muitas histórias só acontecem em novela. Antigamente, eu falava: ‘Existe! A minha vida é assim!’. Hoje, fico calado. Na realidade, existe coisa bem pior!” – Iniciou ele

Em seguida, o galã citou alguns perrengues que passou na infância e também citou o exemplo de vida, como a sua mãe que precisou trabalhar duro para manter a casa:

“Quando eu era bebê, quebrei a perna pulando o berço! Hoje, consigo identificar que foi uma forma de chamar a atenção da minha mãe, que trabalhava muito. Ela foi vendedora de paçoca. Odeio paçoca até hoje! Não consigo ver nem sentir o cheiro do amendoim!”

Cauã Reymond e a filha que tem com Grazi Massafera (Foto Reprodução/Internet)
Cauã Reymond e a filha que tem com Grazi Massafera (Foto Reprodução/Internet)

Em dado momento da entrevista, Cauã Reymond contou que já foi vítima de violência doméstica:

 “O ambiente da minha casa era muito violento. Minha mãe já quebrou vassoura e duas raquetes em mim! Eu era um menino rebelde. Tinha muita energia e faltava um pulso masculino. Via o meu pai só duas vezes por ano” – Desabafou ele

No fim da conversa, o ator afirmou que busca ser um pai muito presente na vida de Sofia, sua filha de 9 anos, fruto da união com a atriz Grazi Massafera:

“Poder dar o meu melhor como pai é mais do que quebrar um padrão da minha família, é uma questão de sobrevivência.” – Afirmou o artista

Lennita Lee

Autor(a):

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ....