Últimas Notícias

Globo não foi fiel a história e escondeu o triste fim de sua personagem


Globo não foi fiel a história e escondeu o triste fim de sua personagem (Foto: Reprodução)

Diferente do final mostrado pela Globo, a personagem teve um fim batente triste e muitos debatem os motivos para a emissora ter feito a mudança

Quando a minissérie Hilda Furacão estreou, em 1998, os telespectadores ficaram fascinados pela história baseada no livro de mesmo nome escrito por Robert Drummond. Na época, não imaginavam que a linda mulher vivida por Ana Paula Arósio realmente existiu.

Atriz Ana Paula Arósio (Foto: Reprodução)
Atriz Ana Paula Arósio (Foto: Reprodução)

Hilda Maia Valentim nasceu em 30 de dezembro de 1930, em Recife, mas ainda criança se mudou com sua família para Belo Horizonte. Seus pais tinham um grande poder aquisitivo, e davam tudo que a garotinha queria.

No entanto, Hilda tinha uma alma livre e desde muito jovem queria desbravar os bairros boêmios da capital mineira. Foi nesse momento que descobriu uma profissão pouco convencional. Lá, iniciou seus primeiros trabalhos como garota de programa.

O apelido de Furacão surgiu pouco tempo depois, devido ao seu temperamento. A prostituta não levava desaforo para casa e era constantemente vista brigando e até mesmo saindo na tapa com seus clientes e colegas da profissão.

Hilda Furacão (Foto: Reprodução)
Hilda Furacão (Foto: Reprodução)

Apesar de seu temperamento selvagem, os homens faziam filas, levavam presentes e declaravam seu amor para ter algumas horas de amor com Hilda que adorava ser desejada por tantos pretendentes

Veja também

Os diferentes finais

No entanto, a verdadeira Hilda, um importante nome para a realização da obra da Globo, não teve um final tão feliz como o mostrado na produção.

Sozinha, Hilda foi morar em um asilo no bairro de Barracas, na capital Argentina. Ninguém sabia se ela estava viva, até que uma equipe de reportagem do Fantástico fez uma matéria ao seu respeito, em 2014.

O programa revelou que, pouco antes de viver na Instituição, se viu diante de uma trágica queda e acabou sendo internada num hospital público durante seis meses.

Hilda Furacão (Foto: Reprodução)
Hilda Furacão (Foto: Reprodução)

“Conheci a Hilda e comecei a pesquisar e a recuperar parte de documentação e a identidade da Hilda. E chegamos a essa história fantástica da Hilda Furacão. Ou da Hilda Maia Valentim, viúva de Paulo Valentim, um grande herói do Boca Juniors”, informou uma cuidadora por fim.