Herança de Chico Anysio virou motivo de guerra na justiça e filho famoso foi excluído de testamento


Chico Anysio na Escolinha do Professor Raimundo, Globo (Foto: reprodução/ Globo)
Chico Anysio na Escolinha do Professor Raimundo. (Foto: reprodução)

Chico Anysio foi considerado um dos maiores nomes da história da comédia brasileira, tendo uma carreira consolidada que se estendeu por décadas, com a criação de inúmeros personagens e programas de sucesso, como a Escolinha do Professor Raimundo. Justamente pelo longo período de êxito, o comediante acumulou uma fortuna com muitos bens, estimada em R$ 20 milhões, mas após a sua morte, em março de 2012, isso virou motivo de guerra na justiça.

Acontece que a repartição da herança do famoso vem causando discórdia entre a família. O principal embate é entre a viúva do comediante, Malga Di Paula, com os seus oito filhos. Em recente entrevista ao podcast ZonaV, ela afirmou que ainda não recebeu nada da herança, e criticou o tratamento que vem recebendo dos filhos, a começar pelo produtor Cícero Chaves, que faleceu no ano passado, e que segundo ela, sequer dialogava sobre o assunto.

“Alguns foram mais radicais e não quiseram sentar para conversar. Um deles morreu enquanto eu estava em coma [ela se referiu aos 65 dias em que ficou internada devido a complicações causadas pela Covid-19]. Olha que ironia da vida. Ele tinha 39 anos e ficou brigando comigo durante quase 10 anos para receber algo que nunca irá receber”, afirmou. A fala de Malga chegou a ser rebatida por Nizo Neto, um dos filhos de Chico Anysio, que falou em “falta de respeito” pela forma como ela se dirigiu ao irmão.

Guilherme “Lug” de Paula foi excluído do testamento de Chico Anysio. (Foto: reprodução)
Guilherme “Lug” de Paula foi excluído do testamento de Chico Anysio. (Foto: reprodução)

Filho excluído do testamento

Malga Di Paula era a inventariante original dos bens de Chico Anysio, mas após vários conflitos, Bruno Mazzeo assumiu o cargo, em 2017. E nesse meio tempo, ocorreu mais uma polêmica: Luiz Guilherme “Lug” de Paula, conhecido por interpretar o Seu Boneco na Escolinha, foi retirado do testamento após uma briga familiar.

Porém, salvo algumas exceções, a lei brasileira proíbe a deserdação. Devido a isso e outras irregularidades detectadas no testamento, o documento foi anulado pela justiça em 2020, fazendo com que o imbróglio permaneça.

Malga Di Paula chegou a concordar com a decisão, mas logo fez um pedido de retratação para ser reconhecida como a única proprietária do apartamento onde vivia com o marido. Apesar de toda essa disputa, em abril desse ano, a revista Veja chegou a fazer um levantamento, que mostrou que toda a fortuna de Chico Anysio diluiu, e que restava apenas uma dívida de R$ 7 milhões, referente a impostos atrasados.