Lucinda vira alvo de vingança, leva tiro e fica entre a vida e a morte em Terra e Paixão


Lucinda em Terra e Paixão. (Foto: reprodução)
Lucinda em Terra e Paixão. (Foto: reprodução, Globo)

Lucinda leva tiro após ordem de Antônio em Terra e Paixão

Em Terra e Paixão, Lucinda (Débora Falabella), a presidente da cooperativa, enfrentará momentos de extrema adversidade, tornando-se alvo dos caprichos cruéis de Antônio (Tony Ramos), o maior vilão de Nova Primavera. A protagonista, conhecida por sua força e determinação, será vítima de um ataque brutal que a deixará em situação crítica nos próximos capítulos da novela.

Antônio, cujo caráter maligno tem se intensificado nos momentos finais da trama, revelará seu lado mais perverso quando sua ambição e sede de vingança o dominarem. Após ser preso por Marino (Leandro Lima) devido à resolução do sequestro de Aline (Barbara Reis), o fazendeiro não suportará a humilhação e jurará vingança contra o delegado, desencadeando uma série de eventos trágicos.

Determinado a demonstrar seu poder na região, Antônio maquina um plano para contratar um matador e eliminar Lucinda. A líder da cooperativa, mulher íntegra e corajosa, estará na mira do atirador, tornando-se uma vítima inocente da sede de vingança do vilão. Irene (Glória Pires), esposa de Antônio, tentará em vão impedir seu marido de cometer essa atrocidade, mas suas intervenções serão tardias.

Lucinda em Terra e Paixão. (Foto: reprodução)
Lucinda em Terra e Paixão. (Foto: reprodução)

Mulher fica em estado crítico

O matador, cumprindo a missão encomendada por Antônio, chegará à mansão para informar que o trabalho foi executado. Lucinda, atingida por um tiro enquanto estava na estrada ao lado de Marino, ficará em estado crítico, gerando comoção e impacto profundo em Nova Primavera. O atentado contra a vida de Lucinda promete intensificar os conflitos na trama, lançando a narrativa em uma fase de suspense e drama.