Luiz Bacci enfrentou grande arrependimento ao deixar emissora e se unir a concorrente: ‘Quebrei a cara’


Luiz Bacci (Foto: Reprodução/Record)

Luiz Bacci demonstrou coragem ao trocar de emissora e fechar com uma rival, mas a decisão não tardou a trazer arrependimentos

Luiz Bacci, conhecido como âncora do popular programa “Cidade Alerta” da Record, possui uma carreira sólida na emissora, garantindo consistentemente altos índices de audiência. No entanto, sua história inclui um capítulo marcante de mudança e arrependimento ao deixar a Record em busca de novos horizontes.

+ Lágrimas na TV: Datena ficou ao lado de Silvio Santos em uma cena tocante que comoveu o público

Em um momento emblemático em 2014, Bacci assumiu o comando do bem-sucedido “Balanço Geral SP” na Record, no auge do programa. Contudo, pouco mais de três meses depois, tomou a decisão de migrar para a Band, assinando um contrato que prometia novas oportunidades. O acordo, inicialmente firmado por quatro anos, se mostrou efêmero, durando somente 10 meses. A Band optou por rescindir o contrato, alegando que Bacci não estava sendo plenamente utilizado em relação aos valores recebidos.

Volta para a Record

Esse retorno repentino à Record implicou em uma significativa redução salarial para o jornalista. Em uma entrevista, Bacci compartilhou seus sentimentos sobre esse período turbulento em sua carreira. Expressou profundo arrependimento pela saída da Record, admitindo que buscou na Band a realização de um sonho: ter um programa de auditório. Porém, confrontou uma realidade diferente da esperada, sentindo-se desorientado ao perceber a ausência da estrutura para se conectar com o público.

+ Musa da Globo que perdeu emprego, trabalhou como ambulante e vive nova realidade

“Me arrependi muito de ter saído. Fui para a Band para realizar o sonho que era ter um programa de auditório, fui e quebrei a cara. Eu falei para Record que queria voltar, porque aqui minha carreira deslanchou, o público me cobrava para voltar. As pessoas olham nos olhos e sabe quando você faz por dinheiro e por amor à profissão”, relatou o jornalista.

Ele enfatizou o impacto desorientador ao perceber que, de repente, não tinha mais um palco e um microfone para se conectar com seu público, uma atividade que fazia desde a infância. A reflexão sobre sua decisão permeou seu discurso: “Até agora me pergunto por que eu deixei a Record. Não foi por dinheiro, porque se fosse eu até tinha aceitado a redução de salário que a Band me ofereceu.”

Bacci destacou a importância da conexão genuína com a profissão e a audiência, enfatizando que a motivação não foi puramente financeira. Seu retorno à Record foi impulsionado pelo reconhecimento da relevância de sua carreira na emissora e pelo vínculo estabelecido com o público ao longo dos anos.

Luiz Bacci no Tá na Tela (Foto: Reprodução)
Luiz Bacci no Tá na Tela (Foto: Reprodução)

Trajetória

 Em 1995, começou sua carreira como apresentador no “Show das Crianças” na Rádio Diário de Mogi das Cruzes, sua cidade natal. Com apenas treze anos, em 1998, já estava à frente do programa infantil “Domingo no Palco” na Rede Manchete. De volta a Mogi das Cruzes, comandou o programa de auditório “Estação Mix” na TV Diário, afiliada da Rede Globo, de 2001 a 2005. Em 2006, após a finalização do programa e já formado em jornalismo, tornou-se repórter do “Bom Dia Diário” na mesma emissora.

Em 2007, foi contratado pelo SBT como repórter do “SBT Brasil” e cobriu diversos acontecimentos marcantes, como o desastre com o avião da TAM em Congonhas, o desabamento da estação do metrô em São Paulo, a visita do Papa Bento XVI ao Brasil, a morte de Michael Jackson, entre outros eventos significativos.

Apresentou o programa de reestreia do “Fantasia” em outubro, porém não permaneceu, e em 2008 foi um dos apresentadores do “Aqui Agora”.

Nos anos de 2009 e 2010, esteve no Rio de Janeiro como apresentador do telejornal “SBT Rio” no SBT Rio de Janeiro.

Em 24 de novembro de 2010, integrou a equipe da RecordTV como repórter do “Balanço Geral RJ” e do “RJ no Ar”. Seu desempenho o levou a se tornar apresentador do “Cidade Alerta Rio” de julho a dezembro de 2012. Em 2013, assumiu a edição matinal do “Balanço Geral RJ” e se tornou correspondente do “Cidade Alerta” paulista, com um bloco de notícias do Rio de Janeiro. No ano seguinte, em 2014, mudou-se para São Paulo para apresentar o “Balanço Geral SP” no horário do almoço.

Procurando focar no entretenimento, assinou com a Band em maio de 2014 e estreou o programa vespertino “Tá na Tela” em agosto do mesmo ano. Entretanto, o programa foi cancelado em dezembro devido à baixa audiência, com apenas quatro meses no ar. Após isso, passou a apresentar o “Café com Jornal”.

Luiz Bacci no comando do Café com Jornal. Foto: Divulgação/Band.
Luiz Bacci no comando do Café com Jornal. Foto: Divulgação/Band.

Insatisfeito com o espaço que tinha na emissora, anunciou seu retorno para a RecordTV em março de 2015. Lá, assumiu a apresentação da edição matinal do “Balanço Geral SP” e do “SP no Ar”, além das edições de sábado do “Cidade Alerta”.

Hudson William

Escrevo sobre notícias da TV e das celebridades há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.