LUTO! Acaba de ser confirmada a morte de famoso ator e diretor Rede Globo


Confirmada morte de ator e apresentador da Globo (Foto: Reprodução, Montagem, Fatos da TV)
Confirmada morte de ator e apresentador da Globo (Foto: Reprodução, Montagem, Fatos da TV)

Artista vivia em situação de saúde delicadas desde que sofreu um AVC hemorrágico e infelizmente não consegui resistir

O diretor e ator teatral Aderbal Freire Filho morreu nesta quarta-feira, aos 82 anos. A notícia foi dada por familiares do diretor cearense, que nasceu em Fortaleza, em 8 de maio de 1941. Ele estava internado no Hospital Copa Star, no Rio de Janeiro, por causa de um AVC. Também apresentador de televisão e ator, Aderbal era casado com a atriz Marieta Severo há 19 anos. Ele deixa também um filho, Camilo.

O diretor começou a carreira artística aos 13 anos, atuando em grupos amadores e semiprofissionais de teatro. Filho de Aderbal e Maria Freire, formou-se em Direito em Fortaleza, mas não exerceu a profissão. Ele se mudou para o Rio de Janeiro em 1970, e faz sua estreia como ator em “Diário de Um Louco”, de Nikolai Gogol, encenado dentro de um ônibus que percorreu as ruas da cidade.

Ator e diretor Aderbal Freire Filho (Foto: Reprodução, Globo)
Ator e diretor Aderbal Freire Filho (Foto: Reprodução, Globo)

Sua primeira direção foi com o espetáculo “O Cordão Umbilical”, de Mario Prata, em 1972. Mas seu primeiro grande sucesso profissional foi a direção do monólogo “Apareceu a Margarida”, com Marília Pêra. A peça de Roberto Athayde sobre uma professora tresloucada, estreou no dia 4 de setembro de 1973, no Teatro Ipanema, no Rio de janeiro. No mesmo ano, Aderbal fundou o Grêmio Dramático Brasileiro.

Em 2013, estreou a peça “Incêndios”, no Teatro Poeira. A montagem tinha Marieta Severo como protagonista e ganhou vários prêmios. Por este trabalho, Aderbal recebeu o Prêmio Shell de Teatro na categoria Melhor Diretor. O espetáculo fez temporada em Porto Alegre no ano de 2014, no Theatro São Pedro.

Sua incrível carreira

Seu último trabalho na televisão foi como apresentador do programa “Arte do Artista “, na TV Brasil. O programa experimental teve quatro temporadas e um formato inovador, pois mesclava a linguagem televisiva com a teatral e cinematográfica. O programa estreou em 2012 e teve quatro temporadas. Aderbal entrevistou grandes nomes da nossa cultura, como: Alexandre Nero, Andréa Beltrão, Camila Pitanga, Deborah Colker, Eduardo Kobra, Fábio Porchat, Fagner, Gerald Thomas, Gregório Duvivier, Lenine, Marieta Severo, Marília Gabriela, Mateus Solano, Matheus Nachtergaele, Nathalia Timberg, Nicette Bruno, Selton Mello, Thalita Rebouças, Wagner Moura, Walter Carvalho, Wanderléa, Wolf Maya e Zélia Duncan.

Ator e diretor Aderbal Freire Filho (Foto: Reprodução, Globo)
Ator e diretor Aderbal Freire Filho (Foto: Reprodução, Globo)

Aderbal foi um defensor da integração do teatro brasileiro com os de países da América do Sul e passou os últimos anos encenando peças entre o Brasil e o Uruguai. Em 2018, recebeu o título de visitante ilustre pela Câmara Municipal de Montevidéu. Desde os anos 1980, montava espetáculos na Argentina, Colômbia, entre outros países da América do Sul. A peça “Mão na luva”, de Oduvaldo Vianna Filho, foi vencedora, no Uruguai, do Prêmio Florencio de melhor espetáculo estrangeiro em 1985.