Mara Maravilha fala tudo o que pensa e se envolve em problema familiar de Xuxa: “Morreu brigada”


Mara Maravilha e Xuxa (Foto: Reprodução, Instagram)
Mara Maravilha e Xuxa (Foto: Reprodução, Instagram)

Em mais um caso de polêmica, Mara Maravilha ataca Xuxa envolvendo algo pessoal e internet não perdoa

No seu podcast, o Pod Mara, a Mara Maravilha lançou uma indireta pra Xuxa Meneghel durante uma conversa sobre política com seu convidado, o ator Renan Dornellas. Ela mencionou o drama familiar de Xuxa, que teve uma irmã que morreu brigada por causa de política.

No podcast, Mara Maravilha não mencionou diretamente o nome de Xuxa, mas deixou claro que não gostou de ter suas escolhas questionadas e que bloqueou Dornellas após ele expressar sua opinião. “Sua opinião não era igual à minha. Eu respeito a sua, e você respeita a minha. Mas isso me magoou. Eu sou um ser humano. Eu não gostei, eu te bloqueei”, desabafou.

A apresentadora Mara Maravilha (Foto: Reprodução)
A apresentadora Mara Maravilha (Foto: Reprodução)

Em seguida, Mara completou: “Eu botei você no meu carro, tive uma aproximação [com você] e achei invasivo. Respeitei sua escolha, você respeitasse a minha. Fui indelicada, tipo ‘me erra’, não quero saber. Bloqueei, não quero falar desse assunto. Porque eu tenho família que não pensa igual a mim, e nem por isso eu briguei com a minha família. Eu não tive uma irmã que morreu brigada [comigo] por causa de política”.

Reencontro no “Criança Esperança”

Mara Maravilha criticou a Globo e expressou sua opinião sobre o reencontro de Xuxa, Angélica e Eliana no ‘Criança Esperança’. A apresentadora fez comentários negativos sobre o evento, chamando-o de “desespero” e sugerindo que a emissora estaria tentando atrair audiência com a reunião das apresentadoras.

Xuxa, Angélica e Eliana (Foto: Reprodução, Globo)
Xuxa, Angélica e Eliana (Foto: Reprodução, Globo)

Ela também afirmou que a Globo não deveria “usar as pessoas” dessa maneira. Os comentários de Mara Maravilha geraram polêmica e reações mistas nas redes sociais, com alguns apoiando suas declarações e outros discordando de suas críticas à iniciativa do ‘Criança Esperança’.