Novelas

Maria Navalha e Rejane têm briga feia, mas confronto termina de forma que ninguém esperava


Maria Navalha e Rejane em Fuzuê. (Foto: reprodução)

Maria Navalha e Rejane reacendem rivalidade do passado em Fuzuê

Em Fuzuê, muitas questões não resolvidas permanecem escondidas, e os personagens principais estão longe de perceber que as respostas cruciais estão mais próximas do que imaginam.

Nos próximos capítulos da novela das 19h, várias dessas pontas soltas serão desenroladas em uma discussão intensa entre Maria Navalha, interpretada por Olívia Araújo, e Rejane, papel de Walkiria Ribeiro. Essa discussão finalmente rompe uma barreira de longa data entre elas e leva à reconciliação.

O clima de angústia atinge seu ápice quando Rejane recebe um buquê de flores acompanhado de uma pequena navalha, possivelmente como uma mensagem subliminar de sua arqui-inimiga, Maria Navalha.

No entanto, com o tempo, fica claro que o buquê foi, na verdade, um artifício tolo criado por Caíto, interpretado por Clayton Nascimento, que confessa toda a verdade em uma conversa reveladora com Bartô, interpretado por Gui Anacleto.

Maria Navalha Fuzuê. (Foto: reprodução/ Globo)
Maria Navalha Fuzuê. (Foto: reprodução/ Globo)

Rivais se confrontam

Mais tarde, Maria Navalha e Rejane têm uma discussão calorosa sobre o passado, presente e futuro, incluindo a troca de informações cruciais sobre César Montebello, papel de Leopoldo Pacheco. Isso leva as duas cantoras a refletirem profundamente sobre a necessidade de compartilhar alguns novos detalhes com Luna, interpretada por Giovana Cordeiro, a protagonista da trama.

Veja também

Luna continua a nadar em um mar de incertezas, enquanto sua mãe, Maria Navalha, parece deter a maior parte das respostas em um labirinto de informações secretas. No entanto, aparentemente, Maria Navalha não pode revelar toda a verdade, pois isso poderia resultar em consequências graves. A curiosidade de Luna é insaciável, e ela está determinada a desvendar os segredos que envolvem sua família e a trama em que está inserida.

Autor(a):