Não aguentando a luta contra o câncer, Globo perdeu ator de seu grande sucesso “O Salvador da Pátria”


Não aguentando a luta contra o câncer, Globo perdeu ator de seu grande sucesso O Salvador da Pátria (Foto: Reprodução)

Sendo pioneiro dentro da TV, o ator da Globo enfrentava uma luta árdua contra o câncer de pulmão, contudo, ele não resistiu

Para quem não sabe, o ator Gilberto Martinho foi pioneiro na TV brasileira e estrelou no passado várias novelas da Globo. Ele nasceu em Araranguá, em Santa Catarina, mas se mudou muito novo para o Rio de Janeiro, onde ele estudou arte dramática no Teatro do Estudante. E apesar do sucesso que ele fez, o seu final foi sofrido.

De acordo com o TV História, Gilberto Martinho esteve na inauguração da TV Tupi, em 1950, onde ele participou de teleteatros, porém, o sucesso dele veio por meio de um personagem infantil, o Falcão Negro, herói brasileiro que protagonizou uma série de mesmo nome, na TV Tupi. A série foi produzida entre os anos de 1957 e 1963.

Ator da Globo Gilberto Martinho (Foto: Reprodução)

Ao final da série infantil, ele estreou em novelas em Alma Cigana, produção da TV Tupi de 1964. Na novela protagonizada por Ana Rosa, ele foi o Barrabás. A estreia dele na Globo ocorreu no ano de 1967, quando ele integrou o elenco de Anastácia, a Mulher sem Destino. No canal, ele fez diversos personagens, e ficou conhecido como “coronel da teledramaturgia”.

A MORTE

Gilberto Martinho morreu no início do século 21, em 19 de agosto de 2001, depois de ter ficado três semanas internado no hospital Copa D’OR, no Rio de Janeiro, em razão de um câncer no pulmão. De acordo com o jornal Folha de São Paulo, o ator, por conta do sofrimento causado pelas complicações do enfisema, estava sedado havia duas semanas, a pedido dele mesmo.

Ator da Globo Gilberto Martinho (Foto: Reprodução)

De acordo com a publicação, Gilberto Martinho se despediu da família, preparou um testamento e pediu para ser sedado. O enterro dele ocorreu na Barra de São João, Região dos Lagos. Ele foi sepultado com roupas brancas e sem sapatos, conforme era o seu desejo.