Para manter trabalho em novela da Globo, ator precisou esconder doença terminal


Galã da Globo escondeu doença de todos. (Foto: reprodução/Montagem/Fatos da TV)
Galã da Globo escondeu doença de todos. (Foto: reprodução/Montagem/Fatos da TV)

Ator Dener Pacheco escondeu que estava com doença terminal para continuar em novela da Globo

Dener Pacheco, o ator que interpretou o personagem Renan na novela “Caras & Bocas” da TV Globo, recebeu muitos elogios pelo seu desempenho na trama. Infelizmente, sua vida teve um desfecho trágico.

A morte repentina de Dener Pacheco pegou seus colegas de elenco de surpresa, já que ninguém sabia que ele estava doente. Guilhermina Guinle, que contracenou com o ator, expressou sua comoção com a notícia: “Fiquei muito abalada com a notícia. Ele era muito alegre e sempre fazia todos ao seu redor se divertirem com seu jeito espontâneo. Além disso, era muito humilde e estava sempre disposto a aprender mais sobre atuação”.

Guinle também relatou que a irmã do ator, que morava em Tubarão (SC), chegou ao Rio de Janeiro um dia antes da morte de Dener e não sabia que ele estava doente.

Ator Dener Pacheco. (Foto: reprodução/internet)
Ator Dener Pacheco. (Foto: reprodução/internet)

Galã não contou sobre a doença para os colegas de emissora

Dener Pacheco faleceu em 6 de março de 2010, no Rio de Janeiro, devido a um câncer no estômago e nos pulmões, que foi descoberto depois que ele foi hospitalizado no Hospital Universitário Gaffrée e Guinle por causa de fortes dores.

O ator estreou na Globo em “Caras & Bocas”, onde interpretou o interesse amoroso da personagem de Sophie Charlotte. Em sua atuação, Dener Pacheco deu vida a Renan, um rico enteado da personagem interpretada por Guilhermina Guinle.

Além disso, Walcyr Carrasco, o autor da novela, relembrou sua última conversa com o ator, na qual perguntou se o câncer era maligno, mas Dener não respondeu. Carrasco refletiu: “Eu pensei que não era. Mas agora eu acho que ele já sabia…”. O autor também acrescentou que, durante as gravações, o ator enfrentou alguns problemas de saúde, mas na época não relacionou com o câncer.