Projeto social, psicologia e letras: por onde anda a atriz Júlia Feldens, a Ciça, de “Laços de Família”?


Ciça em "Laços de Família" (Foto Reprodução/Internet)
Ciça em "Laços de Família" (Foto Reprodução/Internet)

Júlia Feldens se dedica a ajudar artistas de baixa renda em projeto social

A atriz Júlia Feldens nasceu no interior do Rio Grande do Sul. Enquanto cursava a faculdade de Psicologia na cidade de Santa Cruz do Sul, no mesmo estado, ela resolveu trancar o curso para se dedicar a uma oficina de teatro com Gerald Thomas.

Após uma temporada em Curitiba, capital do Paraná, ela se mudou para o Rio de Janeiro, no ano de 1997. Júlia Feldens estreou nas novelas em “Força de um Desejo” (1999) e, na sequência, se destacou dando vida a Ciça, em “Laços de Família” (2000), na Globo.

Julia Feldens, Tony Ramos e Flávio Silvino (Foto Reprodução/Internet)
Julia Feldens, Tony Ramos e Flávio Silvino em “Laços de Família” (Foto Reprodução/Internet)

Na trama, Ciça era a mimada filha do personagem de Tony Ramos. Seu principal objetivo na trama era arrumar um namorado, mas ela acabou conquistando um belo “boy magia”, que além de lindo, era famoso.

Júlia Feldens e Tony Ramos em "Laços de Família" (Foto Reprodução/Internet)
Júlia Feldens e Tony Ramos em “Laços de Família” (Foto Reprodução/Internet)

Após o sucesso da personagem, Júlia teve mais um papel de destaque no Plim-Plim, em 2002, com “Coração de Estudante”. A atriz também trabalhou em “Sabor da Paixão” (2003) e “Um Só Coração” (2004).

Depois disso, a famosa passou anos afastada da carreira de atriz. Júlia Feldens se mudou para São Paulo, se casou e foi mãe de dois herdeiros. Ela, inclusive, aproveitou para voltar a estudar, se formou em Letras e fez mestrado na PUC-SP.

Projeto Social

Júlia Feldens atualmente (Foto Reprodução/Internet)
Júlia Feldens atualmente (Foto Reprodução/Internet)

Hoje, aos 44 anos, a atriz voltou recentemente às produções televisivas ao fazer uma participação na série “Boca a Boca” (2020), da plataforma de streaming Netflix.

Júlia Feldens não se destaca apenas por seu trabalho como atriz. Ela criou um projeto social cujo objetivo é auxiliar artistas de baixa renda, os hospedando gratuitamente em sua residência.

Na garagem de sua casa, ela montou uma padaria e os lucros do comércio são integralmente voltados para tal iniciativa, financiando os artistas que recebe.