Protagonista de Terra e Paixão quase perdeu o próprio casamento por causa de novela


Antônio (Tony Ramos), Irene (Gloria Pires), Petra (Debora Ozório), Daniel (Johnny Massaro) e Caio (Cauã Reymond)
Antônio (Tony Ramos), Irene (Gloria Pires), Petra (Debora Ozório), Daniel (Johnny Massaro) e Caio (Cauã Reymond) - (Foto: Divulgação/Globo)

Tony Ramos quase perdeu o próprio casamento por causa de novela

Tony Ramos é um ícone da televisão brasileira, tendo conquistado fama e prestígio como um dos principais astros de novelas da Rede Globo ao longo de décadas. O ator, inclusive, estará novamente no ar como protagonista em Terra e Paixão, nova novela das 21h do canal.

Porém, surpreendentemente, uma novela quase arruinou o casamento do ator. Ele é casado há 50 anos com Lidiane Barbosa, mas a união quase foi adiada devido ao trabalho dele em Nino, O Italianinho (1969), produzida pela extinta TV Tupi e escrita e dirigida por Geraldo Vietri, conhecido por sua personalidade difícil. Tony foi convidado para ser padrinho de casamento do ator, juntamente com Aracy Balabanian, mas Vietri agendou as gravações da novela para o mesmo dia da cerimônia.

Apesar da situação, o casamento não foi adiado. Tony Ramos e Lidiane Barbosa tiveram que correr para se casarem depois das gravações da novela, e foram para a Igreja Nossa Senhora do Brasil, no bairro de Jardins, em São Paulo. “Agora, mais do que nunca, esse menino precisa trabalhar”, disse o autor Vietri, mostrando sua personalidade forte.

Tony Ramos é casado com Lidiane Barbosa. (Foto: reprodução)
Tony Ramos é casado com Lidiane Barbosa. (Foto: reprodução)

Final feliz

Após a cerimônia, Tony e Lidiane conseguiram formalizar sua união e tiveram uma recepção muito emocionante. “Choramos muito na igreja, parecia que era uma primeira comunhão, devido à juventude dos noivos”, relembrou Aracy Balabanian.

Curiosamente, mesmo com todas as dificuldades, Geraldo Vietri presenteou o casal com uma geladeira, que era um item de luxo na época. “Um dia, Vietri foi jantar na casa do casal e depois disse para Lidiane: não é que você cozinha bem mesmo”, revela um trecho do livro Geraldo Vietri – Disciplina é Liberdade, de Vilmar Ledesma, que descreve a vida do novelista.

Nino, O Italianinho foi um grande sucesso na TV Tupi, sendo exibido entre maio de 1969 e julho de 1970, com 304 capítulos.