Ramiro recebe ordem para matar Irene e toma atitude que ninguém esperava em Terra e Paixão


Ramiro e Irene em Terra e Paixão. (Foto: reprodução, Globo)
Ramiro e Irene em Terra e Paixão. (Foto: reprodução, Globo)

Ramiro recebe ordem para matar Irene em Terra e Paixão

Em Terra e Paixão, Ramiro (Amaury Lorenzo) enfrenta um verdadeiro tormento em seu trabalho, prejudicando sua saúde mental. Apesar dos desafios, o capataz encontra forças para recusar uma ordem absurda que recebe para encerrar a vida de Irene (Glória Pires) nos próximos capítulos.

Irene tornou-se uma ameaça aos planos de Ramiro de ficar com as terras de Aline (Barbara Reis), desencadeando uma intensa disputa. No entanto, Agatha (Eliane Giardini), visando proteger seus próprios objetivos secretos, entra na jogada e decide eliminar Irene para evitar contratempos que possam comprometer seus planos. Agatha, então, dá a ordem a Ramiro para que ele execute o plano sinistro.

O capataz, contudo, enfrenta uma confusão mental diante dessa ordem, uma vez que Irene foi sua patroa por muitos anos, complicando sua lealdade. Surpreendentemente, Ramiro reúne suas forças e se recusa a cumprir a ordem de Agatha, confrontando a vilã de frente.

Irene e Agatha em Terra e Paixão. (Foto: reprodução)
Irene e Agatha em Terra e Paixão. (Foto: Reprodução, Globo)

Bandido sofre transformação

No entanto, em meio à confusão, ele acaba soltando uma informação crucial para Agatha, proporcionando a ela uma arma poderosa para ser usada contra Irene em futuros desdobramentos da trama. A recusa de Ramiro não apenas revela sua resistência moral, mas também desencadeia eventos que prometem impactar profundamente a história.

Ramiro e Irene em Terra e Paixão (Foto: Reprodução, Globo)
Ramiro e Irene em Terra e Paixão (Foto: Reprodução, Globo)

Vale ressaltar que a novela Terra e Paixão é escrita por Walcyr Carrasco e tem direção artística de Luiz Henrique Rios. O elenco conta com nomes como os de Barbara Reis, Cauã Reymond, Glória Pires, Tony Ramos, Agatha Moreira, Paulo Lessa, Débora Ozório e Rainer Cadete.