Ratinho revela “traição” de Gugu e expõe mágoa do colega: “Ele comprou, ofereceu um salário melhor”


Ratinho e Gugu Liberato (Foto: Reprodução, Montagem, Fatos da TV)
Ratinho e Gugu Liberato (Foto: Reprodução, Montagem, Fatos da TV)

Ratinho fala de mágoa de Gugu Liberato por “roubo” de personagens

Ratinho foi entrevistado na terça-feira (8/8) no podcast “Programa de Todos os Programas”, onde relembrou histórias da carreira e expôs bastidores de seu programa.

No bate-papo, ele abriu o coração e expôs uma mágoa antiga de Gugu Liberato (1959-2019).

Os apresentadores Flávio Ricco e Gabi França exibiram um vídeo de Gugu no programa de Carlos Massa. A dupla pediu detalhes do encontro, porém Ratinho tentou resumir falando sobre uma suposta traição.

“A gente estava meio… Não brigado, mas eu estava chateado que ele tinha roubado o ET e o Rodolfo de mim. Ele comprou, ofereceu um salário melhor e eu nunca segurei ninguém! Nunca me atrevi a segurar ninguém pra trabalhar comigo”, contou.

Ratinho explicou que ficou chateado por levar uma rasteira de Gugu, porém tentou amenizar a situação: “Fiquei porque eu gostava dos dois, do ET e do Rodolfo. Mas toquei minha vida, não mudou nada, tranquilo”, ele concluiu.

MidiaNews | 'Fui ofendido em rede nacional', diz Rodolfo sobre quadro de  Gugu

Sobre os personagens

Em 1996, Ratinho era responsável pela extinta atração “190 Urgente” (Rede CNT/TV Gazeta), onde Rodolfo Carlos de Almeida foi convidado para trabalhar como produtor.

A parceria se estendeu para a Record TV no ano seguinte, quando Rodolfo passou a produzir e cobrir reportagens por São Paulo. Numa das externas, ele decidiu convidar Cláudio Chirinian, o ET, para participar da atração e acabou formando a dupla humorística.

Mas ET & Rodolfo só foram estourar no final dos anos 1990, assim que o apresentador Gugu Liberato contratou os humoristas para seu programa “Domingo Legal” (1998).

Eles ficaram marcados por invadir a casa de famosos para acordá-los com buzinas e gritarias. A dupla chegou a gravar um CD cômico produzido por Rick Bonadio. Apesar da fama, eles decidiram se separar em 2001 para traçar novos objetivos profissionais.

Em 2010, ET (Cláudio Chirinian) não resistiu a uma parada cardíaca causada por choque séptico e uma insuficiência renal devido ao uso de cigarro. Nove anos depois, o Brasil se despediu de Gugu Liberato após um acidente doméstico.

Parada cardíaca: A morte de integrante da dupla ET e Rodolfo

Bruna Alves

Autor(a):

Bruna Alves

Eu sou Bruna Alves, redatora de notícias da televisão e celebridades desde 2016, com passagens em alguns sites da área ao logo desse tempo. No FATOS DA TV, trago notícias com credibilidade e responsabilidade aos leitores, relembrando acontecimentos passados da TV e dos famosos, mas também deixando os leitores atualizados com assuntos da atualidade.