Após separação, Renata Vasconcellos encontrou amor novamente com um jornalista da Globo


Detalhe sobre a vida de Renata Vaconcellos passou despercebidos por muitos e agora veio à tona (Foto Reprodução/Internet)
Detalhe sobre a vida de Renata Vaconcellos passou despercebidos por muitos e agora veio à tona (Foto Reprodução/Internet)

Renata Vasconcellos vira uma nova página em sua vida pessoal: enfrenta separação e surpreende em união com um jornalista da Globo

Renata Vasconcellos é uma das figuras mais reconhecíveis no jornalismo brasileiro, notadamente por sua atuação como apresentadora do Jornal Nacional, posição que assumiu após Patrícia Poeta seguir outros caminhos no entretenimento, a exemplo de Fátima Bernardes.

+ Após anos em canal, Carlos Alberto falou sobre falência e expôs condições salariais: ‘Exploração’

Contrariando o padrão de muitos jornalistas que frequentemente têm suas vidas pessoais expostas, Renata mantém uma discrição impressionante, tanto nos veículos de mídia quanto em suas redes sociais, limitando o compartilhamento de detalhes íntimos, o que, paradoxalmente, aumenta ainda mais o interesse do público em sua vida pessoal.

Poucos sabem sobre seu casamento anterior com Haroldo Mac Dowell, com quem compartilha a paternidade de dois filhos. O relacionamento chegou ao fim em 2010, abrindo espaço para um novo capítulo em sua vida amorosa.

+ Estrela de ‘Vai na Fé’ ironiza pagamento recebido da Globo; descubra o valor chocante

A partir de 2014, Renata Vasconcellos começou um novo relacionamento, desta vez com Miguel Athayde, responsável pelo jornalismo na Globo News. A discrição da jornalista aumentou ainda mais após 2018, período marcado por turbulências políticas no país e ataques direcionados a ela pelo presidente. Nesse contexto, ela recebeu apoio da equipe e do colega William Bonner, editor-chefe do Jornal Nacional.

Um aspecto que surpreende muitos espectadores é a presença discreta da irmã gêmea de Renata. Raramente vista em público, quando as duas estão juntas, isso acaba surpreendendo aqueles que não acompanham a jornalista com frequência.

Renata Vasconcellos confundiu os seguidores com foto ao lado da irmã
Renata Vasconcellos já confundiu os seguidores com foto ao lado da irmã (Foto: Reprodução/Instagram)

Trajetória no jornalismo

Renata Vasconcellos, uma das figuras mais proeminentes do jornalismo brasileiro, deu seus primeiros passos na televisão em 1996 na GloboNews. Na época, atuava como apresentadora do turno vespertino do telejornal “Em Cima da Hora”, ao lado de Eduardo Grillo. Sua entrada na equipe pioneira que fundou o canal de notícias foi resultado de um concurso, após passar por estágios em agências de publicidade e trabalhos como modelo, incluindo participações em novelas e campanhas publicitárias.

Na GloboNews, Renata protagonizou grandes coberturas jornalísticas, desde a visita do Papa João Paulo II ao Brasil até eventos como a morte da princesa Diana e a libertação da residência do embaixador japonês no Peru, em 1997. Sua estreia na Rede Globo ocorreu por meio de uma reportagem sobre uma exposição do estilista Yves Saint Laurent, na qual sua formação em moda foi um recurso valioso para abordar o tema.

Posteriormente, ela teve participações no “Jornal Hoje” aos sábados, em 1997, e assumiu brevemente a apresentação e chefia do programa em um período de transição entre os telejornais da Globo. No “Fantástico”, apresentou um quadro sobre serviços ao consumidor e, em dezembro de 2002, sucedeu Leilane Neubarth no “Bom Dia Brasil”, inicialmente ao lado de Renato Machado e, mais tarde, a partir de 2011, com Chico Pinheiro.

Renata Vasconcellos no Jornal Nacional (Foto: Reprodução/Globo)
Renata Vasconcellos no Jornal Nacional (Foto: Reprodução/Globo)

Durante sua permanência no “Bom Dia Brasil”, Renata comandou o quadro “Coisas do Gênero”, dedicado ao comportamento feminino. Em 2011, participou de uma edição especial do programa, detalhando o casamento do príncipe William com Kate Middleton.

Sua versatilidade jornalística foi evidenciada ao integrar o rodízio de apresentadores eventuais do “Jornal Nacional” em 2005, cobrindo a vaga deixada por Ana Paula Padrão. Em momentos cruciais, como a tragédia na região serrana do Rio de Janeiro em 2011 e o incêndio na boate Kiss em 2013, Renata ancorou o “JN” diretamente dos locais das catástrofes.

Durante a visita do Papa Francisco ao Brasil, para a Jornada Mundial da Juventude em 2013, Renata participou da cobertura da Rede Globo, ancorando flashes durante a programação. Em outubro do mesmo ano, assumiu a apresentação do “Fantástico” ao lado de Tadeu Schmidt, passando por uma reformulação significativa do programa, com maior dinamismo e interação com o público.

Em novembro de 2014, deu um passo marcante ao estrear no “Jornal Nacional” como editora-executiva e apresentadora titular, juntamente com William Bonner, sucedendo Patricia Poeta. Sua presença no telejornal noturno estabeleceu uma colaboração dinâmica com Chico Pinheiro durante as ausências de Bonner.

William Bonner e Renata Vasconcellos comandam o Jornal Nacional, da Globo
William Bonner e Renata Vasconcellos comandam o Jornal Nacional, da Globo (Foto: Reprodução)

Vida atual

Renata é casada com Miguel Athayde, que ocupa o cargo de diretor de jornalismo na GloboNews, consolidando assim uma vida conjugal dentro do âmbito profissional da comunicação.

A jornalista também compartilha laços familiares íntimos. Além de seu relacionamento com Athayde, ela tem uma irmã gêmea, Lanza Mazza, reconhecida no ramo da moda como estilista. Essa conexão de gêmeas é um aspecto interessante da vida de Renata, embora seja um aspecto que ela costuma manter longe dos holofotes.

Além da irmã, Rodrigo Vasconcellos, seu irmão, também integra sua estrutura familiar. Rodrigo é um empresário, e embora se mantenha mais afastado da exposição pública, faz parte dos laços fraternos que complementam a vida pessoal da jornalista.

Hudson William

Escrevo sobre notícias da TV e das celebridades há muitos anos com passagens, inclusive, por outros portais como TV Foco. Meu objetivo é informar com precisão e clareza.