Um dos apresentadores mais bem pagos da TV, Rodrigo Faro já que teve que ir morar em motel


Rodrigo Faro passou aperto no início da carreira na Globo. (Foto: reprodução)
Rodrigo Faro passou aperto no início da carreira na Globo. (Foto: reprodução)

Rodrigo Faro já passou por aperto no início da carreira

Hoje, Rodrigo Faro é um dos principais e mais bem-sucedidos apresentadores da televisão brasileira, mas quem vê o famoso consolidado dessa maneira, mal pode imaginar os perrengues pelos quais ele passou no início da carreira, principalmente quando lutava por uma oportunidade na Globo.

Para ter a chance de mostrar o seu talento, ele chegava a ir para a porta de algumas emissoras para pedir uma oportunidade de brilhar, e quando finalmente teve essa chance na emissora carioca, como ator, quis agarrá-la com unhas e dentes, mas para isso, teve de passar por vários perrengues.

No final dos anos 1990, ao se mudar para o Rio de Janeiro para atuar nas novelas da Globo, como A Indomada (1997), Malhação (1998) e Suave Veneno (1999), ele enfrentava uma situação financeira difícil, e sem muito dinheiro, por ainda estar em início de carreira, precisou passar um período vivendo em um motel.

Acontece que, além de pagar um valor menor para passar a noite no local, o motel ficava ao lado do antigo Projac, hoje Estúdios Globo. “Dormia durante noite, decorava os textos e no dia seguinte já estava ao lado do Projac”, revelou Faro em entrevista a alguns podcasts.

Apresentador Rodrigo Faro. (Foto: reprodução)
Apresentador Rodrigo Faro. (Foto: reprodução)

Apresentador brilhou na Globo e se consolidou na Record

Desde o final dos anos 1990 até 2007, Rodrigo Faro emplacou uma série de trabalhos na Globo, incluindo novelas clássicas como O Cravo e a Rosa (2000), A Padroeira (2001), A Casa das Sete Mulheres (2003), Chocolate com Pimenta (2003), Cabocla (2004), América (2005), Alma Gêmea (2006) e O Profeta (2006).

Em 2008, no entanto, ele decidiu tomar uma decisão ousada e arriscada, ao aceitar o convite para se transferir para a Record, mesmo com a ameaça de que poderia nunca mais voltar para a Globo. Faro, no entanto, estava decidido a investir na carreira de apresentador, o que se mostrou uma decisão bastante acertada.

Primeiro, ele ganhou uma oportunidade na emissora dos bispos para comandar o reality Ídolos, e depois, O Melhor do Brasil, que consolidou de vez a sua carreira e o transformou hoje em um dos apresentadores mais bem pagos da TV brasileira.