Segredo escondido por anos de Marcos Mion veio a tona e é algo inesperado: “Não ia dar certo”


Segredo escondido por anos de Marcos Mion veio a tona (Foto: Reprodução, Record)
Segredo escondido por anos de Marcos Mion veio a tona (Foto: Reprodução, Record)

O ano de 2021 marcou Marcos Mion pela realização de um sonho antigo: assinar com a Globo, porém o ator não escondeu o medo que sentia

Agora em 2020, Marco Mion considera o momento como o ano em que consolidou seu sucesso na emissora, ganhando muitos elogios e mantendo a liderança com o “Caldeirão” aos sábados.

Marco Mion, ganhou o prêmio de Homem do ano na TV da revista “GQ Brasil”, e afirmou nunca ter duvidado que se daria bem na Globo.

Ele conta para a coluna Splash que se quer parou para pensar sobre medo, ou que poderia não ser um sucesso: “É a mesma coisa de um cara que vai bater um pênalti e pensa: ‘e se eu errar?’. Não dá para ter esse pensamento lá enquanto você está vivendo. Nunca passou pela minha cabeça que não ia dar certo, nunca. Nunca tive esse medo”.

Marcos Mion (Foto: Reprodução, Globo)
Marcos Mion (Foto: Reprodução, Globo)

Mion explica a autoconfiança: “Vem da minha autoestima, do trabalho que eu faço, e da experiência, né? Não era meu primeiro programa. Comecei como apresentador em 2000. Além disso, me juntei a pessoas com mais experiência ainda, e numa emissora que vive a arte. Foi incrível.”.

Ao justificar os motivos de achar que ousou na Globo, Mion diz que fez questão de fazer um programa alegre em plena pandemia de covid: “Um programa alto astral, enquanto a pandemia ainda machucava muito, foi uma grande ousadia. Mas a minha felicidade era tão grande, transbordava, e eu não conseguiria ser diferente. Os diretores abraçaram minha ideia e optamos por esse caminho juntos”.

A cobrança

Um dos principais nomes do entretenimento na Globo, Marcos Mion quer mais, e logo. O apresentador assume estar ansioso para novas conquistas, diz ter dificuldades para curtir o momento, e conta receber conselhos de sua equipe para desacelerar. “Trabalho com pessoas que estão comigo há 17 anos. Estiveram comigo em diferentes fases da vida, e eles falam: ‘calma, vive um pouco. Você chegou. Não vai se meter em outro maremoto'”.

Marco Mion (Foto: Reprodução)

Mion tenta ouvir o recado, mas confessa: “Me cobro demais para não desperdiçar nenhum dia da minha vida. Estou no momento de ‘aproveitar um pouco’, mas isso não significa que não esteja mirabolando os próximos passos e sonhos, e eles virão.” Tanta energia para o trabalho pode resultar numa falta de tempo para a vida pessoal, e o apresentador assume isso enquanto cutuca a esposa que o acompanha na entrevista: “O que é vida pessoal mesmo? Já tive e lembro que era bom. Assim como lembro como era bom dormir também. Quem sabe um dia eu consiga voltar a fazer isso.” Disse por fim.