Morte trágica quase decretou o fim de A Grande Família na Globo: “Fizemos uma votação”


Elenco de A Grande Família. (Foto: reprodução/Globo)
Elenco de A Grande Família. (Foto: reprodução/Globo)

Morte inesperada de Rogério Cardoso quase levou ao cancelamento de A Grande Família

A Grande Família é considerada uma das séries mais longevas e de maior sucesso da história da Globo, tendo chegado ao fim em 2014. O que muita gente não sabe, é que a trajetória da atração na emissora carioca poderia ter sido bem mais curta, devido a morte trágica de um ator do elenco.

Em 2003, a morte inesperada de Rogério Cardoso, que dava vida ao Seu Floriano, um dos personagens mais queridos da trama, deixou toda a equipe bastante abalada. “Ele era o meu avô. Se tem alguém que posso chamar de avô foi Rogério Cardoso. Ele era um grande companheiro do meu pai, e que virou o meu companheiro”, contou Lucio Mauro Filho, intérprete do Tuco, que tinha uma relação bem próxima com Floriano em A Grande Família.

Em recente entrevista ao PodPah, Lucio Mauro contou que soube da morte de Floriano através do rádio do carro, quando estava voltando para casa após um dia de gravação, e que teve uma crise de choro, precisando ser consolado pelas pessoas na rua.

Ator Rogério Cardoso. (Foto: reprodução/Montagem)
Ator Rogério Cardoso. (Foto: reprodução/Montagem)

Equipe fez votação para decidir se a série continuaria

Logo após o velório de Rogério Cardoso, a equipe de A Grande Família se reuniu na Globo para decidir se a série continuaria ou não após a morte do colega. Lucio Mauro Filho contou que chegou a votar pelo encerramento da produção, alegando que não haveria clima para continuar, mas foi voto vencido.

“Fomos para a Globo para decidir se o programa ia continuar. Quando me perguntaram se queria continuar, eu disse não. Sabe aquela música ‘naquela mesa está faltando ele’, como nós vamos sentar naquela mesa e gravar e o Rogério não estar ali? Fizemos uma votação e fui voto vencido, graças a Deus”, revelou o ator.

Apesar de decisão de continuar, a retomada das gravações foi bastante complicada, com uma verdadeira comoção tomando conta da produção. “No dia que voltamos ao estúdio, a gravação foi cancelada. Era o câmera que não conseguia fazer foco, outro câmera tremendo, equipe chorando. ‘A Grande Família’ era uma grande família mesmo, que incluía todo mundo. Decidir com os autores foi difícil”, relatou Lucio Mauro.