Veterano da Globo cometeu suicídio e deixou carta comovente: ” A Humanidade não deu certo”


Veterano esteve no elenco de "Caminho das Índias" (Foto Reprodução/Globo)
Veterano esteve no elenco de "Caminho das Índias" (Foto Reprodução/Globo)

Um renomado ator da Globo, deprimido, tomou a medida mais extrema para se livrar da dor

Encontrado sem vida em seu sítio em Rio Bonito, o ator Flávio Migliáccio cometeu suicídio, segundo informações da polícia, ele havia deixado uma carta comovente e melancólica para sua  família aonde lamentava  a situação do país e afirmou que a humanidade “não deu certo”.

Flávio Migliaccio possuía uma quantidade absurda de produções estreladas em seu currículo, e morte foi sentida por todos da emissora (Foto Reprodução/João Cotta/TV Globo)
Flávio Migliaccio possuía uma quantidade absurda de produções estreladas em seu currículo, e morte foi sentida por todos da emissora (Foto Reprodução/João Cotta/TV Globo)

“Me desculpem, mas não deu mais. A velhice neste país é (…) como tudo aqui. A humanidade não deu certo” – Dizia um trecho da carta

+Endividada, Regina Duarte foi salva da falência pela Globo: “Larga tudo”

Na carta, o ator dizia ainda que teve “a impressão que foram 85 anos jogados fora num país como este e com esse tipo de gente que acabei encontrando. Cuidem das crianças de hoje” – Finalizou Migliaccio na carta.

Carta comovente deixada pelo ator a todos da sua família (Foto Reprodução/Forum)
Carta comovente deixada pelo ator a todos da sua família (Foto Reprodução/Forum)

O ator tornou-se conhecido pelos personagens “Tio Maneco” dos filmes “Aventuras com Tio Maneco” e “Maneco”, “O Super Tio”, e “Xerife” da novela “O Primeiro Amor” e do seriado infantil “Shazan”, “Xerife & Cia”. Ele também interpretou o árabe “Seu Chalita” em “Tapas e Beijos”.

Migliaccio teve grande participação em várias fases do cinema nacional, começando pelo período do Cinema Novo, quando atuou em obras inesquecíveis como “A Hora e a vez de Augusto Matraga”, filme de Roberto Santos baseado no conto de Guimarães Rosa que faz parte do livro “Sagarana”; “Terra em Transe”, o clássico e Gláuber Rocha. Antes da tragédia ele atuou nos dois “Boleiros”, de Ugo Georgetti e ele mesmo.

Flávio Migliaccio como "Seu Chalita" (Foto Reprodução/Internet)
Flávio Migliaccio como “Seu Chalita” (Foto Reprodução/Internet)

A última participação do ator na TV foi em 2019 na novela “Órfãos da terra”, no papel de Mamede Aud. Ele também participou do filme “Hebe”, sobre a apresentadora Hebe Camargo, ao lado de Andrea Beltrão.

Lennita Lee

Autor(a):

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ....