Xuxa falou comentou críticas feitas sobre suas roupas em programas infantis: “Não queria sexualizar”


Xuxa rebateu críticas sobre suas roupas em programas infantis (Foto: Reprodução, Globo)
Xuxa rebateu críticas sobre suas roupas em programas infantis (Foto: Reprodução, Globo)

Relembrando sua incrível carreira, Xuxa comentou sobre seus polêmicos looks usados na frente de varias crianças em seus programas

Após cinco anos desde que saiu da TV Globo, Xuxa voltou a emissora e concedeu uma entrevista exclusiva. Logo de início, no bate-papo com Pedro Bial, ela fez uma autocrítica sobre seu trabalho como apresentadora infantil.

Contudo, durante a entrevista, Xuxa contou que sua intenção nunca foi ter sexualizado as crianças que participavam de seus programas. No entanto, ela comentou que era ciente de que as roupas curtas e cavadas que usava para interagir com seus baixinhos não eram apropriadas.

Xuxa no programa de Pedro Bial (Foto: Reprodução, Globo)
Xuxa no programa de Pedro Bial (Foto: Reprodução, Globo)

“As roupas eram bem cavadas. Pra seguir a moda, eu tinha que seguir a coisa sensual e sexual. Eu não estava querendo sensualizar, sexualizar ou estimular isso para as crianças, mas se eu não fizesse isso estaria fora do que estava acontecendo diariamente da porta pra fora. Todo mundo fazia isso na praia, na piscina, nas músicas, videoclipes, na TV, nas aberturas de novela”, disse.

Looks que Xuxa usava em seus programas (Foto: Reprodução, Globo)
Looks que Xuxa usava em seus programas (Foto: Reprodução, Globo)

O início de tudo

Além disso, Xuxa comentou que sua trajetória como apresentadora infantil começou no dia em que foi à TV para divulgar seu ensaio nu para a Playboy, em 1982. Convidada de um talk show na época, ela conheceu na mesma noite o diretor Maurício Sherman (1931-2019), responsável por transformar aquela modelo sexy em rainha dos baixinhos.

“Essa coisa de botar uma modelo pra trabalhar com criança foi audaciosa. Eu não estava preparada, e a televisão também não estava. A minha sensualidade era muito maior. Nas fotografias naquela época, nos anos 1980, a mulher era mais sensual e tinha que fazer caras e bocas. Hoje em dia é mais natural, antigamente era mais forçada. A sensualidade era muito presente, e foi um risco muito grande que o Sherman correu em dar esse espaço pra mim na TV”, recordou.

Xuxa (Foto: Reprodução, Globo)
Xuxa (Foto: Reprodução, Globo)

“Se você parar pra pensar e ver meus programas, 80% das coisas que eu fazia no Xou da Xuxa era politicamente incorreto. Da maneira como eu falava com as crianças, coisas que eu fazia, o jeito que eu me vestia, às músicas que tocavam. Eu teria sido crucificada se tivesse feito isso hoje em dia”, analisou por fim.